Banner da Prefeitura de São Luís

Banner da Prefeitura de São Luís

sábado, 4 de julho de 2015

Mais um caso estranho nas "barbas" do Detran


Seria trágico se não fosse cômico. Um homem identificado como Thiago Pereira Carneiro foi preso nesta sexta-feira (3) suspeito de usar uma procuração falsa para retirar, no lugar do proprietário Francisco das Chagas Queiroz, um carro modelo Ford Fusion do pátio do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MA), em São Luís.

Segundo informações da Delegacia de Defraudações, o dono do carro conta que financiou o veículo para o primo da esposa, que não teria quitado prestações, licenciamento e multas. Quando o carro foi apreendido, ele se dirigiu ao Detran-MA para retirar o veículo e ficou sabendo que a retirada já havia sido realizada.

A polícia suspeita que o primo da esposa dele tenha negociado o veículo com Thiago. O documento apresentava selo e papel timbrado do cartório Celso Coutinho, na capital. Após o pagamento da taxa, o suspeito retirou o veículo sem nenhuma dificuldade.

Em nota, a assessoria do Detran-MA explicou que o órgão entrou em contato com o cartório assim que ficou constatado que a procuração era falsa.

O Detran-MA também informou que entrou em contato com Thiago Pereira Carneiro, induzindo-o a voltar ao Departamento de Custódia e Liberação de Veículos, onde ele foi preso e levado para a Delegacia de Defraudações. 

Veja a nota do Detran-MA na íntegra:

"O Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão, por meio de sua Assessoria de Comunicação, esclarece:

O senhor Thiago Pereira Carneiro compareceu no dia 2/7 ao setor de Custódia e Liberação de Veículos no Detran-MA, portando uma Procuração Pública expedida por Francisco das Chagas de Queiroz, proprietário do automóvel Ford Fusion. A Procuração apresentava todos os aspectos de segurança, como selo e papel timbrado do Cartório Celso Coutinho. Após o pagamento das taxas devidas, o outorgado em questão retirou o automóvel.

Em seguida, o legítimo proprietário do automóvel foi ao setor de Custódia para liberar o veículo. Diante da situação, o Detran-MA entrou em contato com o Cartório, e, foi constatado a não veracidade da Procuração apresentava pelo Sr. Thiago Pereira Carneiro. O Detran-MA, então, entrou em contato com ele, induzindo-o a retornar ao setor de Custódia. Ao chegar ao departamento, o cidadão Thiago Pereira Carneiro foi detido e conduzido à Delegacia de Defraudações para as devidas providências cabíveis ao caso".

Nenhum comentário:

Postar um comentário