terça-feira, 10 de maio de 2016

A queda de Dilma, Flávio Dino e Waldir Maranhão

O trio parada dura, o governador Flávio Dino, a presidente Dilma Rousseff e o deputado Waldir Maranhão
Ainda na madrugada desta terça-feira, 10, o presidente interino da Câmara Federal, deputado Waldir Maranhão (PP), voltou a surpreender o país ao revogar a decisão, que ele mesmo havia proferido para anular o processo de impeachment da presidente da República, Dilma Rousseff (PT).

Horas antes, numa decisão surpreendente, Waldir Maranhão havia acatado recurso ingressado na Câmara pela Advocacia Geral da União (AGU) que solicitava a retomada da ação contra a presidente. 

A canetada do presidente interino gerou uma polêmica sem precedentes na história do Congresso Nacional e o pior é que contou com a participação efetiva do governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB).

Que papelão!

Nenhum comentário:

Postar um comentário