Banner da Prefeitura de São Luís

Banner da Prefeitura de São Luís

terça-feira, 31 de maio de 2016

TJ determina suspensão da greve dos professores


O Tribunal de Justiça do Maranhão, por meio do desembargador Lourival Serejo, determinou, nesta terça-feira,31, a suspensão imediata da greve dos professores da rede municipal de ensino de São Luís. O TJ acatou pedido feito pela Procuradoria Geral do Município (PGM), que  pede a retomada das aulas, que foram paralisadas, desde a última quarta-feira, 25, em escolas da capital. Mais de 80 mil alunos estão fora da sala de aula.

Em caso de descumprimento da decisão judicial, o desembargador Serejo estipulou multa diária de R$ 10 mil para o sindicato. O comando de luta responsável pela paralisação informou que ainda não recebeu nenhuma notificação e que irá recorrer da decisão.

A presidente do Sindicato dos Profissionais do Magistério da Rede Pública Municipal de São Luís (Sindeducação), Elizabeth Cardoso, afirmou que o movimento não será suspenso enquanto o sindicato não for notificado.

O caso será analisado pela assessoria jurídica da entidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário