quarta-feira, 15 de junho de 2016

Peritos criminais também anunciam greve

A categoria dos peritos criminais também irão paralisar os braços por 48 horas em todo estado do Maranhão
Mais uma categoria anuncia greve no âmbito da administração do governo Flávio Dino (PCdoB). Desta vez os peritos criminais do estado do Maranhão, em assembleia realizada no último dia 9, às 10h, na sede do Instituto de Criminalística, decidiram rejeitar a proposta do Governo do Estado.

Segundo lideranças do movimento paredista, após uma negociação exaustiva de um ano e seis meses, onde a categoria já havia cedido a todos os pedidos do governo, a gestão comunista Dino decide apresentar uma tabela de reajuste humilhante de 15%, dividido em três parcelas, de 6%, 6% e 3%, respectivamente para os anos de 2016, 2017 e 2018.

Dessa forma, a categoria não teve outra escolha, senão deliberar por uma paralisação de advertência de 48 horas, que terá inicio na quinta-feira, 16.

Nenhum comentário:

Postar um comentário