Comercial da Prefeitura de São Luís

Comercial da Prefeitura de São Luís

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Vice-governador tucano pode desembarcar no PSB


O vice-governador Carlos Brandão (foto), que ainda insiste em se manter na presidência do PSDB no Maranhão, deve desembarcar nos próximos dias nos quadros do Partido Socialista Brasileiro (PSB). É que desde a entrada do senador Roberto Rocha no ninho tucano maranhense, ficou insustentável a permanência de Brandão na legenda.

Há quem aposte que o vice-governador só fica até o fim deste mês na direção estadual do PSDB e já estaria preparando suas malas para desembarcar no PSB, que hoje conta com as impolutas figuras do deputado federal José Reinaldo Tavares, que deve sair e se filiar ao DEM, e o deputado estadual Bira do Pindaré.

Em viagem de negócios, de quase duas semanas a países asiáticos como a China, Coréia do Sul e Vietnã, o vice-governador deve aproveitar para refletir sobre o assunto e definir logo sua nova casa partidária, visando as eleições de 2018.

Wellington pode ter de trocar de partido para não ser expurgado do PP


A mais recente aliança do Partido Progressista (PP) às hostes do governo Flávio Dino (PCdoB), com direito a cargo na Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Sedel), pode trazer uma dura realidade política para o deputado estadual Wellington do Curso, que tem atuado na linha de oposição ao governo comunista na Assembleia Legislativa do Maranhão.

Basta observar nas entrelinhas o discurso do líder do governo no Legislativo estadual, deputado Rogério Cafeteira (PSB), que da tribuna da AL mandou recado direcionado ao colega de parlamento.

"É com muita satisfação que vejo o PP, do meu amigo deputado Wellington do Curso, cerrando fileiras junto ao Governo do Estado e dando sua contribuição para que a gente possa realmente efetivar as mudanças que o Maranhão necessita”, frisou o líder do governo na Assembleia Legislativa.

Abre o olho Wellington!

Deputada do PPS permanece internada com inflamação urinária


A deputada federal Eliziane Gama (PPS/foto) permanece internada em um hospital particular de São Luís (UDI), em decorrência de uma pielonefrite aguda, doença inflamatória que afeta as estruturas funcionais do sistema urinário.

Segundo o último boletim médico, a parlamentar apresenta quadro estável e segue sob acompanhamento médico. Ela deu entrada na unidade de saúde, na noite da última segunda-feira, 16, sentindo fortes dores.

Familiares aguardam a divulgação de um novo boletim médico. Ainda não há previsão de alta.

Vereador e comunidade irão inaugurar escola de música em São Luís


O vereador Cézar Bombeiro (PSD/foto) informou que a comunidade do bairro da Liberdade marcou para o próximo dia 27, às 18 horas, na rua Corrêa de Araújo, 207, na sede do grupo "Despertar da Liberdade" a solenidade de inauguração da Escola de Música Coronel Carlos Augusto Castro Lopes.

Segundo o parlamentar, trata-se de uma iniciativa da própria comunidade para prestar uma importante homenagem ao militar falecido, há poucos meses, e que alimentava criar uma escola de música na Liberdade, sempre dentro de suas aspirações. "Ele chegava a dizer que na comunidade estão grandes talentos que precisam apenas de oportunidade para desencantar", declarou.

O coronel Carlos Augusto, irmão do vereador, foi quem criou a Escola de Música Do-Ré-Mi, dentro da Policia Militar, para oferecer oportunidades de aprendizado para jovens e adolescentes de comunidades carentes, que tinham aspiração, mas lhes faltavam oportunidades.

Diante desse legado e a realização de um sonho, Cézar Bombeiro e a Associação Desportiva, Recreativa e Social (Adecress) uniram esforços para a criação da escola, contando com a participação de muitas pessoas da comunidade, que conhecem a história e que têm filhos e parentes na Escola de Música da PM.

"Uma escola, qualquer que seja ela, criada com objetivos de formação profissional e cidadania é um verdadeiro desafio, principalmente quando vem de sonhos para exercer um papel de transformação em uma comunidade. Esse é o grande compromisso da Escola de Música Coronel Carlos Augusto Castro Lopes, que nasce de uma luta comunitária com a consciência, que mudança vem com a educação para a formação de cidadania", afirmou Cézar Bombeiro.

Aproximação de Astro de Ogum a Flávio Dino gera ciumeira na ala política


A singela aproximação do presidente da Câmara Municipal de São Luís, Astro de Ogum (PP), ao governador Flávio Dino (PCdoB), já começa a gerar aflição e até ciumeira entre aliados e adversários do Palácio dos Leões. Principalmente depois que o chefe do Legislativo afirmou, em entrevista ao programa Câmara News (Rádio Difusora AM-680Khz), que "a força política dos vereadores será importante no próximo pleito estadual".

Vale lembrar que na eleição de 2010, a então candidata Roseana Sarney (PMDB) conseguiu um feito inédito, reelegendo-se ao comando do governo do Maranhão com expressiva votação em São Luís, graças ao empenho e alianças políticas de diversas matizes com os vereadores da capital. Na época, o presidente da Casa era o vereador Isaías Pereirinha (PSL).

Percebendo a força que tem o parlamento municipal, Flávio Dino e Astro de Ogum têm trocado afagos políticos em inúmeros eventos oficiais, sempre na presença do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT). Apesar disso, o presidente da Câmara Municipal admite que o jogo está apenas começando e muita água ainda irá rolar por debaixo da ponte eleitoral.

"Temos, portanto, que esperar o início de 2018 para os levantamentos começarem a indicar melhor as tendências e cenários da eleição" ressaltou Astro de Ogum.

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Exonerado da Sedel, Márcio Jardim vai voltar à sala de aula


Depois de ter sido exonerado pelo governador Flávio Dino (PCdoB) da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Sedel), o ex-secretario Márcio Jardim (PT) já admite que terá de voltar à condição de professor de História, na rede pública estadual de ensino.

"Sou professor da rede pública de ensino. Política e militância se faz em todo lugar. Minha profissão é professor e não secretário", disparou Jardim, ainda puto de raiva com a intempestiva exoneração do cargo pelo chefe comunista do Maranhão.

Para seu lugar na Sedel, Márcio Jardim foi trocado pelo motorista e ex-assessor parlamentar do deputado federal André Fufuca (PP), Heverton Rodrigues Pereira.

Nova pesquisa eleitoral deve gerar polêmica no cenário político do Maranhão

Uma nova pesquisa de intenções de votos, encomendada pelo Sistema Difusora, afiliada SBT, revela que em levantamento do Datailha, realizado em 38 cidades do Maranhão, traz a público os principais dados em relação aos índices de aprovação e rejeição do governo, assim como as previsões para as eleições de 2018.

Ao todo, foram entrevistados 2.128 eleitores maranhenses, no período de 9 a 11 de outubro. A margem de erro admitida é de 3,2 pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança utilizado nos resultados da pesquisa é de 95%.

Quando perguntado se a eleição para governador do Maranhão fosse hoje, e os candidatos fossem esses, em quem você votaria? O levantamento avalia os votos válidos. (Veja abaixo)



Em novo questionamento, o instituto Datailha pergunta: em qual ou quais candidatos você não votaria de jeito nenhum?




Secretário alerta para funcionamento de fiscalização eletrônica em São Luís


O secretário municipal de Trânsito e Transportes, Canindé Barros (foto), alerta os condutores de veículos que até o dia 10 de novembro os novos equipamentos de fiscalização eletrônica do trânsito em São Luís estarão funcionando em fase de teste.

Instalados pela Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT), os fotossensores e barreiras eletrônicas cumprem um papel importante na organização do tráfego, pois contribuem para a redução dos índices de acidentes, conferindo maior segurança a condutores e pedestres. O novo sistema começou a ser testado no dia 10 de outubro.

Com os investimentos no sistema de fiscalização do trânsito, o principal objetivo do poder público municipal é coibir infrações como avanço de sinal vermelho e ultrapassagem do limite máximo de velocidade nas vias urbanas. A ação visa também contribuir para redução do número de acidentes de trânsito na cidade, protegendo, assim, a vida dos cidadãos.

O secretário municipal de Trânsito e Transporte, Canindé Barros, explica que esse período de testes é utilizado para ampliar o alcance das informações acerca do novo sistema. “O objetivo desse período de teste é fazer com que os condutores observem melhor as regras do trânsito, especialmente os limites de velocidades nos principais corredores da cidade. Durante essa fase, a proposta é intensificar a divulgação das informações e alertar os condutores”, ressalta o titular da SMTT.


Ao todo, 30 fotossensores encontram-se distribuídos nas avenidas Daniel de La Touche, Colares Moreira, Guajajaras, Santos Dumont, Lourenço Vieira da Silva, Marechal Castelo Branco, São Luís Rei de França e Carlos Cunha. Durante esse período de teste dos equipamentos, a multa não será computada em pontos na Carteira Nacional de Habitação ou taxa referente à norma de trânsito.

Após o período de teste, as infrações identificadas pelos equipamentos passam a ser consideradas e efetivamente computadas. “Por isso, durante esses 30 dias, estamos alertando os condutores para que estejam conscientes do início do funcionamento do novo sistema de fiscalização”, reforçou o titular da SMTT.

Com o novo sistema, o trânsito de São Luís passará a ser monitorado pela Central de Controle de Operações que funcionará integrada à Central de Controle do Transporte. 

O modelo, já utilizado no trânsito de outras cidades, permite uma fiscalização mais efetiva, pois usa imagens de câmeras instaladas nas vias para observar o cumprimento das normas de trânsito, como o uso do cinto de segurança, a utilização irregular da faixa de transporte, o uso de celular ao volante, dentre outras.

Gastão Viera deve levar o PROS a fechar aliança com o PCdoB de Dino


O presidente estadual do Partido Republicano da Ordem Social (PROS) no Maranhão, ex-deputado e ex-ministro do Turismo, Gastão Vieira, já estuda a possibilidade de fechar aliança com o PCdoB do governador Flávio Dino, visando as eleições gerais de 2018.

Gastão Vieira, que hoje se encontra distanciado do grupo Sarney, prefere ainda não se manifestar, publicamente, sobre o assunto, mas há correntes internas no partido que defendem uma futurística aliança política com os comunistas, em eventual apoio à reeleição de Dino.

Também estaria em jogo o futuro político do ex-ministro Gastão Vieira, que pensa em retornar a uma cadeira à Câmara Federal ou até mesmo, em disputar, pela segunda vez consecutiva, uma cadeira majoritária ao Senado da República.

Vale ressaltar que no pleito de 2014, Gastão Vieira perdeu a vaga para o então candidato ao Senado, Roberto Rocha (PSDB), que na oportunidade teve o apoio do então candidato ao governo Flávio Dino.

Queda de Márcio Jardim gera crise nas hostes do PT maranhense


Repercutiu bastante nos meios políticos a exoneração intempestiva pelo governador Flávio Dino (PCdoB) do ex-secretário Márcio Jardim (PT), da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Sedel). Em seu lugar foi colocado o ex-assessor parlamentar Heverton Rodrigues Pereira, ligado ao deputado federal André Fufuca, atual presidente do diretório do PP no Maranhão, e segundo vice-presidente da Câmara Federal.

Desde sexta-feira passada, 13, a notícia caiu como uma bomba no PT maranhense, já que Márcio Jardim foi um dos que colaborou intensamente na campanha eleitoral de 2014, para que o governador ascendesse ao comando do Palácio dos Leões, contra a hegemonia do grupo Sarney.

O próprio deputado André Fufuca tem dado declarações em blogs e nas redes sociais de que a troca na Sedel é apenas fruto de uma "aproximação" do governador comunista ao PP. 

"Trata-se de um ato de respeito e aproximação do governador Flávio Dino com o Partido Progressista" comentou o parlamentar, mostrando que para governar é preciso saber dialogar com todos.

domingo, 15 de outubro de 2017

Zé Reinaldo vai mesmo deixar o PSB pelo Democratas


O ex-governador e atual deputado federal José Reinaldo Tavares (foto) aguarda apenas a abertura da janela partidária, prevista para março de 2018, para deixar as hostes socialistas do PSB e entrar de cabeça, mala e cuia no Democratas (DEM).

Zé Reinaldo pretende se aventurar a uma candidatura ao Senado da República, nas eleições do ano que vem, e para isso, tem buscado apoio do governador Flávio Dino (PCdoB) para consolidar seu projeto político, que vem sendo adiado desde a época da eleição do saudoso governador Jackson Lago. 

Há quem diga nos bastidores que Zé Reinaldo tem sido mantido à distância pelo governador comunista, mas o parlamentar garante que seu nome é um dos que requer prioridades na lista de espera por uma aliança sólida, já que foi ele, enquanto governador do estado, que garantiu a Dino a ascensão na esfera política no Maranhão.

Vale ressaltar que na contagem de aliados que disputam o apoio do governador na corrida ao Senado, aparecem figuras como os deputados federais Weverton Rocha (PDT), Waldir Maranhão (PP) e Eliziane Gama (PPS).

sábado, 14 de outubro de 2017

Roberto Rocha articula diálogo com a cúpula nacional para presidir o PSDB


O senador Roberto Rocha (PSDB) deve intensificar, no decorrer da próxima semana, conversas com a cúpula nacional do ninho tucano para definir a condução do partido no Maranhão. As conversas devem ter a participação do presidente nacional (interino), senador Tasso Jereissati, e do governador de São Paulo, Gerado Alckmin, que é pretenso candidato à Presidência da República, em 2018.

Após a entrada do senador Roberto Rocha no PSDB, os caciques do partido no Maranhão se levantaram contra a postura do parlamentar, que hoje é um dos principais adversários do governador Flávio Dino (PCdoB), que buscará a reeleição no próximo pleito. Rocha deve também sair candidato ao comando do Palácio dos Leões.

No momento, a disputa interna nas hotes tucanas no estado envolve a destituição do atual presidente da legenda, o vice-governador Carlos Brandão, e demais lideranças políticas que apoiam o governo comunista.

Rocha espera uma decisão da cúpula nacional para assumir a direção estadual do PSDB no Maranhão e ter como secretário-geral o ex-prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, que já mandou um recado, dizendo que quem não está satisfeito no ninho tucano, com as novas mudanças, que possam sair de fininho, sem estressamento.

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Charge do Dia: Hoje é sexta-feira 13


Edivaldo poderia criar aplicativo de táxi para concorrer com o Uber


Com as constantes polêmicas envolvendo o serviço de transporte do aplicativo Uber em São Luís, que ainda não está regulamentado, bem que o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT) poderia trazer para estas bandas um modelo de aplicativo voltado para taxistas, a exemplo que do já vem ocorrendo nas cidades  do Rio de Janeiro e São Paulo.

O gerenciamento ficaria sob a responsabilidade da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT). Em São Paulo o aplicativo foi batizado de SPTáxi e vai operar em parceria com a Prefeitura do Rio de Janeiro, cuja versão carioca funciona desde junho deste ano. Aqui poderia ser batizado de SLTáxi.

Em São Luís, o prefeito Edivaldo poderia estudar uma proposta de envolver uma parceria público-privada para garantir a funcionalidade do aplicativo que concorreria em pé de igualdade com o Uber e minimizaria as reclamações de taxistas insatisfeitos com a concorrência no setor.

A exemplo do SPTáxi, o aplicativo em São Luís iria disputar espaço em um mercado que incluiu vários aplicativos de grandes empresas brasileiras do setor.

Eliziane Gama ainda aguarda definição de Flávio Dino para 2018


A deputada federal Eliziane Gama (PPS) ainda aguarda uma sinalização do governador Flávio Dino (PCdoB) para decidir se deve concorrer à reeleição ou se vai encarar as urnas numa disputa majoritária ao Senado, em 2018.

Até o momento, a parlamentar terá que buscar o apoio do governo ao lado de eventuais pretendentes ao Senado como Weverton Rocha (PDT), José Reinaldo Tavares (PSB) e Waldir Maranhão (PP).

Para evitar cisão na base governista, Flávio Dino vem empurrando com a barriga tomar a decisão, deixando que os pretensos candidatos fiquem livres para se credenciar ao cargo e promover alianças diversas.

Pelo visto, a definição será na última hora.

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Feliz Dia das Crianças!


Cézar Bombeiro solicita a Edivaldo asfalto nas ruas da Fé em Deus


O líder do PSD na Câmara Municipal de São Luís, vereador Cézar Bombeiro, encaminhou requerimento ao prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT) e ao secretário de Obras e Serviços Públicos, Antônio Araújo, para que o bairro da Fé em Deus seja contemplado com o programa Asfalto na Rua.

"Os moradores do bairro da Fé em Deus vêm sempre lutando para que as principais ruas da comunidade sejam pavimentadas, trazendo maior infraestrutura para o local", declarou o parlamentar.

Cézar Bombeiro afirmou essa é uma antiga solicitação e um anseio dos moradores da Fé em Deus, bairro que fica bem próximo ao centro histórico da capital.

"São aspirações antigas da comunidade, que agora se renovam. Há uma expectativa enorme de que agora os sonhos de todos possam ser transformados em realidade", ressaltou Cézar Bombeiro.

Hildo Rocha joga farofa no ventilador e Policia Federal tá de olho arregalado


Apesar da calmaria nesse feriadão, na seara política o clima deve esquentar bastante. Isso porque nas últimas horas o deputado federal Hildo Rocha (PMDB) se tornou persona non grata entre os pares da bancada maranhense na Câmara dos Deputados.

O clima tenso foi gerado depois que o parlamentar peemedebista anunciou, por meio de um grupo no WatsApp, que já denunciou à Polícia Federal a troca de emendas por propinas, envolvendo os colegas André Fufuca (PP), Juscelino Filho (DEM), Aluísio Mendes (Podemos) e Rubens Pereira Junior (PCdoB).

Hildo Rocha chegou a afirmar que houve empenho de R$ 40 milhões para a Saúde, em 2016, e que o montante acabou sendo dividido para alguns municípios de indicação dos nobres deputados.

Indignado com as afirmativas feitas pelo deputado Hildo Rocha, André Fufuca, que responde pela segunda-vice-presidência da Câmara Federal, já cobrou provas cabais do colega de parlamento e que se houver suspeita, que o caso seja levado ao conhecimento da Polícia Federal para investigação criteriosa.

O pior é que Hildo Rocha não se intimidou com a peitada virtual do deputado Fufuca e garantiu que toda denúncia já foi feita à Polícia Federal para reparação de danos ao erário.

Agora é que o bicho vai pegar!

quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Pedro Fernandes defende acordo Brasil/EUA para o CLA de Alcântara


O deputado federal Pedro Fernandes (PTB) criticou a postura de lunáticos ativistas contrários ao acordo bilateral Brasil/Estados Unidos (EUA) para investimentos em tecnologia de ponta entre os dois países, no Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), no Maranhão.

Para o parlamentar, todo imbróglio não passa de um mito de que o governo brasileiro estaria acelerando a entrega do CLA aos norte-americanos. "Temos que tirar esse mito que está sendo pregado por opositores de Alcântara, que nós estamos querendo entregar a base. É uma mentira. O que queremos é um acordo de salvaguardas de tecnologias,que todos países pedem para lançar foguetes a partir da base de Alcântara", declarou.

Pedro Fernandes garantiu que os investimentos no setor são altos e o Brasil faz parte desse mercado, onde o Maranhão está inserido. "O mercado aeroespacial, hoje, é de US$ 330 bilhões. O Brasil gasta, lá fora, US$ 6 bilhões neste mercado. Só a Base de Alcântara entraria esses mesmo US$ 6 bilhões", ressaltou o deputado.

Edivaldo afirma que seu atual projeto político é focar na gestão municipal


O prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), derrubou por terra as constantes especulações de que esteja sendo sondado para ser candidato a vice, na chapa à reeleição a ser encabeçada pelo governador Flávio Dino (PCdoB), nas eleições de outubro de 2018.

Em entrevista exclusiva nesta quarta-feira, 11, ao programa Câmara em Destaque (Rádio Difusora AM-680 Khz), o gestor pedetista respondeu um questionamento, de nossa autoria, sobre essa possibilidade para o próximo pleito no Maranhão.

"Nesse momento, estamos focado é no bom funcionamento da gestão da Prefeitura, assim como o governador Flávio Dino no estado. Temos trabalhado muito numa parceria inédita em São Luís e o que posso dizer é que o que temos feito é trabalhar, cada um, com foco nas suas gestões", declarou o prefeito Edivaldo, descartando que o que tem saído nas redes sociais e blogs sobre o assunto, não passa de meras especulações políticas.

Durante a entrevista, o prefeito se encontrava visitando a Unidade de Ensino do Rio Grande, situada na Zona Rural da capital maranhense.

Crise interna se agrava nas hostes do PSDB no Maranhão

O ex-prefeito Sebastião Madeira, o vice Carlos Brandão, o senador Roberto Rocha e o governador Flávio Dino
Com a possibilidade de vir a não contar com eventual aliança do PSDB, nas eleições gerais de 2018, aliados do governo Flávio Dino (PCdoB) já começam a traçar uma estratégia emergencial para não deixar que as hostes tucanas no Maranhão se desintegrem no espaço com a entrada do senador Roberto Rocha no novo ninho Social Democrata.

Em pontuais inserções do PSDB, no rádio e na TV, o nome do ainda presidente da legenda no estado, o vice-governador Carlos Brandão, vem sendo exaltado como o grande articulador do partido, por ter conseguido unir a sigla em todos os 217 municípios maranhenses, sob a batuta e chancela da aliança com os comunas do Palácio dos Leões.

A filiação de Rocha parece ter caído como uma bomba e desagradado a cúpula do PSDB no Maranhão, já que fere de morte o projeto de aliança para o próximo pleito, num momento em que o partido passa a ter um nome cogitado para disputar, contra Flávio Dino, uma eleição majoritária ao governo estadual.

O vice-governador tucano tem dado demonstrações claras de que se não for possível conter a crise interna, a saída será a debandada geral de filiados do partido em todo Maranhão como forma de protesto. 

Por outro lado, tanto o senador Roberto Rocha quanto o ex-prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, tem afirmado que quem não estiver satisfeito no PSDB é só pedir para sair de fininho, pois a legenda não irá sucumbir e nem permanecer amilhada na cozinha do governador Flávio Dino.

E vale ressaltar que o novo PSDB maranhense surge com o aval da cúpula nacional.

terça-feira, 10 de outubro de 2017

Os três mosqueteiros estão livres, leves e soltos


Graças a uma decisão do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), foi arquivado o inquérito que apurava a suposta tentativa dos senadores Romero Jucá e Renan Calheiros (ambos do PMDB) e do ex-presidente José Sarney de atrapalhar as investigações da operação Lava Jato.

Vale lembrar que em setembro deste ano o então procurador-geral da República, Rodrigo Janot, havia pedido o arquivamento após a mesma solicitação ter sido feita pela Polícia Federal, que na época alegou insuficiência de provas.

Toda investigação foi motivada por gravações entregues por Sérgio Machado, ex-presidente da Transpetro, subsidiária da Petrobras. No conteúdo dos áudios, o executivo, que fez acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal (MPF), discute a Lava Jato com os políticos-caciques do PMDB.

Encerradas as investigações, a Polícia Federal entendeu que as conversas gravadas entre os três políticos e Machado não configuram crime.

"Roseana é candidatíssima", diz presidente interino do PMDB no Maranhão


Apesar da ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) ainda não ter se manifestado, publicamente, sobre pretensa candidatura ao governo do Maranhão, em 2018, seus aliados mais próximos insistem em se antecipar e anunciar que a ex-mandatária do estado deve disputar, pela quinta vez consecutiva, o retorno ao comando do Palácio dos Leões.

Desta vez é o próprio presidente em exercício do PMDB no estado, o ex-deputado Remi Ribeiro (foto), que garante que a ex-governadora vai encarar, de novo, seu adversário principal, o governador Flávio Dino (PCdoB), nas urnas no pleito do ano que vem. Dino vai buscar a reeleição e alega que a volta dela seria um atraso para o estado.

Em conversa com o experiente jornalista e radialista Djalma Rodrigues, Remi Ribeiro garantiu que Roseana é candidatíssima. "Djalma, tu ainda tens dúvida sobre a candidatura da Roseana? Ela é candidatíssima e nós já estamos elaborando um cronograma de visitas ao interior do Maranhão, a ser iniciado pela região da Baixada", declarou.

Sem nenhuma crítica ao atual governo, ele só destacou que Roseana é o nome mais forte do grupo e que não irá fugir da responsabilidade de concorrer ao Executivo Estadual mais uma vez.

Maura Jorge diz que sua pré-candidatura ao governo começa a ganhar força


A ex-prefeita de Lago da Pedra e ex-deputada, Maura Jorge (Podemos), afirma já ter percorrido dezenas de municípios maranhenses e percebido que sua pré-candidatura ao governo do estado, para 2018, tem ganhado força popular. "Entendo que toda força política que se une à vontade popular, começa a consolidar nossa pré-candidatura", afirma.

Maura Jorge tem dado constantes declarações à imprensa e à mídia, mostrando sempre seu descontentamento com a falta de ações do governo Flávio Dino. Segundo ela, o governo prometeu muito na campanha eleitoral de 2014 e até agora, muita coisa ficou só na promessa.

“Temos um governo que prometeu muitas mudanças na vida da população maranhense, no entanto, essas mudanças nunca ocorreram. E diante disso, analisei e percebi que não existia momento melhor para se filiar ao Podemos, que traz essa nova proposta de fazer política, e lutar por mudanças efetivas e possíveis de acontecer em nosso estado”, justifica Maura Jorge.

Ela garante que seu projeto político nesse momento é disputar o cargo majoritário ao Palácio dos Leões, como uma proposta alternativa de candidatura que visa romper com as amarras políticas no Maranhão.

Senado pode abrir auditoria sobre gastos de R$ 464 milhões no CLA


O Senado Federal deve votar, nos próximos dias, um pedido de auditoria sobre a aplicação de recursos orçamentários alocados na implantação do lançamento do foguete Cyclone-4, no Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), no Maranhão.

Até o momento, a bancada maranhense na Casa, constituída pelos senadores Edison Lobão (PMDB), Roberto Rocha (PSDB) e João Alberto Sousa (PMDB), ainda não se pronunciou sobre o assunto. 

No entanto, a solicitação de auditoria já foi defendida na última segunda-feira, 9, pelo senador paranaense Álvaro Dias (Podemos), que é pré-candidato à Presidência da República, nas eleições gerais de 2018, e no Maranhão apoia a pré-candidatura da ex-prefeita de Lago da Pedra e ex-deputada Maura Jorge ao governo estadual pelo Podemos.

Segundo o senador Álvaro Dias, o projeto do Cyclone-4 surgiu de um acordo entre Brasil e Ucrânia, oriundo dos governos dos ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff (ambos do PT), que já foi cancelado. O parlamentar apresentou dados que revelam gastos superiores a R$ 464 milhões na implantação do projeto.

"Se as obras não foram realizadas, se o foguete não foi lançado, se o governo hoje busca entendimentos com outros países, pressupondo que houve portanto a extinção daquele acordo bilateral com a Ucrânia, é óbvio constatar que estes recursos não foram bem aproveitados", declarou Álvaro Dias.

Vale ressaltar que na quinta-feira passada, 5, o presidente Michel Temer (PMDB) e uma comitiva de deputados federais maranhenses estiveram visitando o CLA, em Alcântara, cuja base pode ser entregue de mão beijada para os norte-americanos, ferindo de morte a nossa tecnologia e a nossa soberania nacional.

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Vereador defende nomeações de petistas no governo Dino


O presidente do Diretório Municipal do PT em São Luís, vereador Honorato Fernandes, defendeu as mudanças no secretariado do governador Flávio Dino (PCdoB), que acabou contemplando dois novos petistas no primeiro escalão do Executivo, empossados na semana passada.

Um foi a ex-deputada federal Terezinha Fernandes que assumiu a Secretaria de Estado da Mulher e o outro, foi o delegado Lawrence Melo que passou a comandar a Agência Estadual de Mobilidade Urbana (MOB).

“Lawrence e Terezinha são pessoas de destacada competência, reconhecida atuação profissional e grande preocupação com o social.  Por isso, tenho certeza que a nomeação deles é de grande valia ao projeto de construção de um novo Maranhão comandado pelo governador Flávio Dino”, afirmou o presidente do PT de São Luís.

As declarações do parlamentar e dirigente petista vão de encontro com as posições tomadas pela tendência "Construindo um Novo Brasil" (CNB), que por meio de nota criticou as alterações na esfera do governo Flávio Dino (PCdoB), por entender que os petistas passarão a ficar em patamar de submissão ao chefe comunista no estado. 

PT ainda aguarda resposta do senador João Alberto


O Partido dos Trabalhadores (PT) ainda espera uma resposta do senador João Alberto Sousa (PMDB/foto) sobre a representação que a legenda deu entrada no Conselho de Ética do Senado, cujo parlamentar preside o colegiado, contra o senador Aécio Neves (PSDB).

Desde a semana passada, o PT solicitou que o Conselho de Ética instaure processo para verificar se houve ou não quebra de decoro parlamentar do tucano. O senador João Alberto garante que analisará a representação petista o mais breve possível.

A polêmica ocorreu desde que os ministros da Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) determinaram que o senador mineiro se afastasse do mandato parlamentar e cumpra prisão domiciliar noturna, fato que tem gerado discussão entre o Senado e o Supremo.

Roseana Sarney quer o PT engajado em sua pré-campanha de volta aos Leões


Ainda que não seja unanimidade, a ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) ainda nutre uma esperança de que, caso venha disputar, pela quinta vez consecutiva, as hostes do Palácio dos Leões, em 2018, ela possa ter ao seu lado uma importante ala do Partido dos Trabalhadores (PT) no Maranhão, que fez parte de sua última gestão.

Roseana e aliados ainda apostam nos integrantes da tendência "Construindo um Novo Brasil" (CNB), que tem feito críticas diversas à aliança espúria do PT ao governo Flávio Dino (PCdoB), sob os olhares do presidente estadual da legenda, Augusto Lobato.

Para a direção da CNB petista, a presidência estadual do PT tem se colocado na condição de total submissão ao governo Dino. Por meio de nota, a tendência dentro do partido criticou recentes movimentações governistas.

"O método do governador (Flávio Dino) de fazer indicação e o PT apenas acatar é uma clara demonstração de fragilidade do partido em relação ao governo. Não somos respeitados e nem considerados enquanto partido político, prevalecendo sempre a relação pessoal do governador com alguns militantes petistas", justifica a nota da CNB.

Há quem aposte que a nota sequer deve abalar as relações amistosas entre o PT maranhense e o governo Dino, já que na semana passada novos integrantes da legenda como a ex-deputada Terezinha Fernandes foi guinchada à titularidade da Secretaria de Estado da Mulher e o delegado Lawrence Pereira assumiu a Agência de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB).

domingo, 8 de outubro de 2017

Pesquisa revela que CLA não passa de um elefante branco


O ex-governador e atual deputado federal José Reinaldo Tavares (PSB) disse em seu blog, ter tido acesso a uma recente pesquisa, realizada em São Luís, que mostra o quase total desconhecimento de nossa população sobre a utilidade e funcionalidade do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA). "Fiquei impressionado sobre o desconhecimento das pessoas sobre aquele Centro", disse.

Com base no levantamento feito, José Reinaldo destacou que a maioria das pessoas que participaram da pesquisa "consideram a base inútil e um desperdício de dinheiro". Ele até relata em sua postagem que um dos entrevistados considera que o CLA não passa de um "elefante branco".

"Sem dúvidas, cabe ao governo federal a culpa por essa desinformação, pois a população não é dada a conhecer a enorme importância do programa espacial brasileiro para o nosso desenvolvimento e para a vinda da indústria espacial brasileira para o Maranhão", declarou o deputado José Reinaldo.

A discussão é pertinente, visto que na quinta-feira passada, 5, o próprio presidente da República, Michel Temer (PMDB), esteve na área do CLA e a divulgação de compromissos foi quase inexistente para o setor.

sábado, 7 de outubro de 2017

Prefeitos querem mais dinheiro para a área da saúde


Prefeitos maranhenses se reuniram com o senador Roberto Rocha (PSDB), em seu gabinete, para garantir que emendas de bancada no Senado sejam destinadas, exclusivamente, para a área da saúde. 

Os gestores estiveram em Brasília (DF), liderados pelo presidente da Federação das Associações dos Municípios Maranhenses (Famem), Cleomar Tema, para garantir mais verba para as cidades do interior do estado.

Nas redes sociais o senador Roberto Rocha comentou o assunto:

Liderados pela Famem Federação Dos Municípios, prefeitos do Maranhão propuseram que as emendas de bancada fossem exclusivamente destinadas para a saúde. Isso significaria que os municípios teriam mais R$ 160 milhões para serem investidos em diversas ações, como aumento no número de leitos, compra de modernos equipamentos hospitalares, além da possibilidade de ofertar mais serviços de hemodiálise.
Eu disse a eles que o nosso mandato é amplamente favorável a essa proposta. Os pacientes não podem mais esperar, agonizando em filas, falta de atendimento, de remédios e tratamentos.
Parabéns a comitiva de prefeitos e a Famem pela iniciativa!

sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Michel Temer realmente veio ao Maranhão?


Nunca na história desta República brasileira se ouviu falar que um presidente tenha vindo ao estado do Maranhão e o povo nem viu o rastro dele. O pior é que isso aconteceu de fato na última quinta-feira, 5, quando o presidente Michel Temer (PMDB) esteve visitando as instalações do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA) e voltou no mesmo jatinho.

Nem mesmo o presidente da República esteve fazendo aquela tradicional visita de cortesia ao ex-presidente e ex-senador José Sarney e a ex-governadora Roseana Sarney (PMDB), pré-candidata ao governo estadual, nas eleições gerais de 2018.

Seria trágico se não fosse cômico, mas talvez a falta de popularidade do presidente Temer, que beira a casa dos 3%, aliado ao caos político que vive o país, tenha levado o cerimonial do chefe da Nação brasileira a se esconder por trás da tecnologia soberana do CLA, que pode ser entregue de mão beijada aos Estados dos Unidos (EUA) do presidente Donald Trump, de temperamento sórdido.

Câmara de Vereadores já promulgou mais de 40 novas leis em São Luís em 2017

Levantamento feito pela Mesa Diretora revela que a Câmara Municipal de São Luís já promulgou, neste ano, um quantitativo de 48 novas leis, criadas a partir de projetos aprovados no plenário da Casa e propostos pelos 31 vereadores, visando beneficiar a população da capital maranhense.

Segundo o presidente do Legislativo, Astro de Ogum (PR), depois de aprovados, os textos seguiram para sanção do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que tem a prerrogativa de sancionar ou devolver à Casa para que o plenário promulgue com mais celeridade, tornando-os leis a partir do momento da assinatura.

A última regra promulgada este ano pelo presidente Astro de Ogum e publicada no Diário Oficial do Município (DOM), no dia 5 de julho, cria o programa de incentivos, eventos, empreendimentos e negócios (Pró – São Luís), assegurado pelos parlamentares por meio da Lei 430/2017, originada pelo projeto nº 130/16 de autoria da ex-vereadora Rose Sales (PMN).

A Câmara Municipal, órgão que elabora as leis, faz a contabilização das novas regras por meio do Ementário de Lei Promulgada, sistema que usa como base os arquivos e registros da Secretaria Legislativa da Casa.

Vice-governador está tonto e ainda não sabe qual partido vai se filiar


O presidente do PSDB no Maranhão, vice-governador Carlos Brandão (foto), ainda não definiu qual rumo tomar no âmbito partidário. Todo esse nó legendário na cabeça de Brandão se deu após a nova filiação do senador Roberto Rocha, ex-PSB, nas hostes do ninho tucano no estado.

Há quem aposte que o vice-governador pode se filiar no PP, PPS, PHS, PDT ou até mesmo no PCdoB do governador Flávio Dino. O certo é que no PSDB ele não deve ficar, já que existe a possibilidade real do senador Roberto Rocha ser guinchado à condição de presidente do tucanato no Maranhão, com aval do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e do presidente interino da sigla, senador Tasso Jereissati.

Enquanto não toma uma decisão final, Brandão vai consultando as suas bases eleitorais e o próprio governador comunista para não dar um passo em falso nessa reta de pré-campanha eleitoral para 2018. 

Brandão pode vir a disputar uma cadeira à Câmara Federal ou novamente compor chapa a vice ao lado de Flávio Dino.

quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Vereador solicita instalação de bibliotecas em penitenciárias do Maranhão


A Câmara Municipal de São Luís aprovou indicação do vereador Cézar Bombeiro (PSD/foto) ao governo do estado para a instalação de bibliotecas em todas as unidades prisionais do Sistema Penitenciário do Maranhão. O parlamentar justificou a iniciativa, destacando que hoje há um importante incentivo aos presos que leiam livros tenham redução de penas.

"Idealizamos uma biblioteca bem diversificada em que o Sindicato dos Servidores Públicos do Sistema Penitenciário do estado e seus associados farão campanhas para arrecadação de livros através de doações, com certeza poderemos, dentro de pouco tempo, ter um acervo que será fundamental para a educação e formação da nossa população carcerária", declarou.

Para Cézar Bombeiro, outro fator importante é que com uma biblioteca, muitos detentos poderão despertar para a leitura e outros poderão ocupar o tempo disponível para fugir da ociosidade. 

"Lembrando que hoje temos um grande potencial de escritores, pode-se perfeitamente recorrer a eles para através de palestras, incentivar os presos à leitura, tanto faz ser de qualquer gênero masculino ou feminino, jovem ou maduro, o importante é a disponibilidade para a reconstrução de vidas, salientou Cézar Bombeiro.

Após perder eleição Nelma Sarney defende a volta da harmonia no TJ


Se a desembargadora Nelma Sarney lançou mensagem à imprensa, pregando a volta da "harmonia" entre os pares do Tribunal de Justiça do Maranhão, é óbvio que antes da eleição, em que ela perdeu e que escolheu como novo presidente o desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos, não havia esse clima de tranquilidade na Casa.

Ela agradeceu os 10 votos que lhe foram dados, chamando-o de "valorosos" e ressaltando que nesse momento "não há espaço para o rancor e o ódio".

Nelma Sarney conclamou a todos os magistrados do Maranhão a permanecerem unidos, defendendo a volta da "harmonia" na Corte de Justiça do estado.

Presidente eleito do TJ prega sintonia entre magistrados e servidores


O presidente eleito do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos (foto), declarou que pretende fazer uma gestão para o biênio 2018/2019 em sintonia com a classe dos magistrados e com todos os funcionários da Corte de Justiça do estado.

“Pretendemos fazer uma administração em sintonia com os magistrados e servidores, que traga benefícios significativos para a sociedade, dialogando com os jurisdicionados pelos diversos canais de comunicação do Poder Judiciário, entre eles a Rádio Web Justiça do Maranhão”, afirmou o desembargador.

José Joaquim parabenizou os corregedores anteriores pelo trabalho, afirmando que vai trabalhar para dar continuidade aos projetos e iniciativas, em parceria com os juízes, Associação dos Magistrados, Ministério Público, Defensoria Pública, Sindicato dos Servidores e, principalmente, a sociedade, em respeito ao compromisso da Corregedoria de fazer com que o cidadão receba aquilo que espera da Justiça.

Roberto Rocha deve presidir o PSDB no Maranhão



O senador Roberto Rocha, ex-PSB, já está oficialmente de volta ao ninho do PSDB. Na bagagem o parlamentar garante mais experiência política e apoio de caciques do tucanato como o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, pré-candidato à Presidência da República.

Durante a solenidade de filiação, ocorrida na última quarta-feira, 4, em Brasília, o senador Roberto Rocha ouviu palavras de incentivo e apoio também do presidente (interino) nacional da legenda, o senador Tasso Jereissati (CE).

"Senador pelo estado do Maranhão, Roberto Rocha vem reforçar de forma importante o PSDB com seu preparo, garra e inteligência. Trata-se de uma das mais importantes lideranças e um dos parlamentares mais bem preparado do Senado", disse Jereissati.

Rocha agradeceu as palavras e agora já se prepara para presidir o PSDB no Maranhão e preparar o partido para a campanha eleitoral de 2018 e sua pré--candidatura tucana ao governo do Maranhão.

quarta-feira, 4 de outubro de 2017

Serejo e Carvalho completam a nova Mesa Diretora do Tribunal de Justiça

O desembargador Lourival Serejo será o novo vice-presidente do Tribunal de Justiça
Após eleição da nova Mesa Diretora do Tribunal de Justiça do Maranhão, que escolheu o desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos para ser o mais novo presidente da Corte, também foram escolhidos os desembargadores Lourival de Jesus Serejo Sousa como novo vice-presidente e Marcelo Carvalho Silva para corregedor-geral de Justiça. 

A posse oficial da nova diretoria para o biênio 2018/2019, será realizada em dezembro, cuja data deve ser anunciada.

O desembargador Marcelo Carvalho será o novo corregedor-geral de Justiça do Maranhão
A eleição, realizada na manhã desta quarta-feira, 4, ocorreu por votação secreta, dentre os membros mais antigos, em número correspondente ao dos cargos de direção, para mandato de dois anos, sendo vedada a reeleição e o exercício de mais de dois cargos da mesa.