Comercial da Prefeitura de São Luís

Comercial da Prefeitura de São Luís

terça-feira, 28 de março de 2017

Aliado do governador Flávio Dino vira réu no STF

O deputado federal Weverton Rocha (PDT) aliado de primeira hora do governador Flávio Dino (PCdoB)
Demorou, mas nesta terça-feira, 28, a Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) acatou denúncia oferecida pelo Ministério Público Federal (MPF) e tornou réu o deputado federal maranhense Weverton Rocha (PDT), aliado de primeira hora do governador Flávio Dino (PCdoB), pelos crimes de violação à Lei de Licitações e Peculato, ou seja, desvio de recurso públicos praticados por servidor.

Weverton Rocha é acusado pelo MPF de irregularidades, em 2009, quando o hoje parlamentar ocupava a pasta de secretário de estado de Esporte e Juventude, na gestão do saudoso governador Jackson Lago (PDT), que teve o mandato cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) por abuso de poder econômico e político. Na época, o então secretário pedetista teria contratado uma empreiteira com dispensa de licitação para a reforma do Ginásio Costa Rodrigues em São Luís.

Na denúncia oferecida ao STF, o Ministério Público afirma que o contrato, com dispensa de licitação, foi fechado inicialmente em R$ 1.988.497,34. Posteriormente, destacou o MP que Weverton Rocha assinou um termo aditivo ao contrato inicial no valor de R$ 3.397.944,90.

A assessoria do deputado informou que o parlamentar acredita no Poder Judiciário e tem "plena confiança" de que, ao final da ação penal, "ficará provado que não houve otenção de vantagem indevida ou injusta para ele ou para outra pessoa, e que não houve superfaturamento ou prejuízos ao erário".

Um comentário:

  1. A Justiça é moroosaa demaaais. Somente quase 10 anos do cometimento desse crime é que sai esse resultado??
    Esse maragatuno já deveria estar na cadeia. E o pior, que tem o sonho de ser SENADOR e ainda tem o apoio do DESGOVERNADOR do Estado.
    É brincadeira???

    ResponderExcluir