banner prefeitura

banner prefeitura

quinta-feira, 16 de março de 2017

"Só o povo nas ruas pode mudar essa situação no país", diz Lula


A greve geral desencadeada no país na quarta-feira, 15, teve como principal ponto lançar uma sonora pré-campanha eleitoral do ex-presidente Lula (PT) na disputa ao Palácio do Planalto, em 2018. Ao participar do ato, na capital paulista, Lula foi enfático ao dizer que o "golpe" (impeachment de Dilma) foi claramente dado para acabar com as conquistas sociais do povo brasileiro. "Só o povo nas ruas e um presidente legítimo podem mudar essa situação", afirmou.

Lula falou para uma plateia formada por sindicalistas e militantes de movimentos sociais e de grupos de esquerda, contrários às reformas nefastas propostas pelo governo do presidente Michel Temer (PMDB), em especial as drásticas alterações na Previdência Social, que retira direitos dos trabalhadores conquistados há anos.

"O golpe foi dado para colocar (no poder) um cidadão sem nenhuma legitimidade para acabar com as conquistas sociais do povo. E uma força política no Congresso para enfiar goela abaixo do povo brasileiro uma reforma que vai impedir a aposentadoria de milhões", declarou o ex-presidente Lula.

Ele disse ainda que somente como o povo nas ruas é possível reverter esse quadro de incerteza no país. "Temer não tem legitimidade para fazer as reformas e ele não passa apenas de um diretor de uma associação comercial", frisou.

Um comentário:

  1. Então o homem mais "honesto"do país é que pode fazer reformas que podem mudar o país que ele mesmo ajudou a afundar no ralo da corrupção.Lula me causa asco cada vez que o vejo e se dependesse só do meu voto nem ele é nenhum desses que aí estão tem moral para excercerem mandato por que o mínimo que se espera de um homem é Seja honesto, mas honestidade parece não ser requisito para entrar na política partidária do Brasil que se tornou um ninho de sanguessugas. MUDANDO DE ASSUNTO Edivaldo quando a suposta empresa vencedora do certame da merenda escolar vai assumir, pelo que eu estou vendo nunca a SP continua já mandou o lanche "nutritivo" dela para as escolas, as merendeiras continuam tendo descontos nos salários pelos dias que estava as escolas em recesso, o FGTS continua sem depositar a empresa, sinceramente fazer uma licitação só de engodo, se é que de fato continuar assim não dá pra pensar de outro modo, é muito desrespeito com a sociedade de qualquer forma estarei de olho ficarei de licença, mas atenta ao desenrolar dessa história que já está chata.

    ResponderExcluir