quarta-feira, 10 de maio de 2017

Braide diz que emenda de mais de R$ 1 milhão do pai do prefeito não foi aplicada nos Socorrões


O deputado estadual Eduardo Braide (PMN) disse, na última terça-feira, 10, em entrevista ao Programa "Pecado Capital", na Rádio Capital AM (1.180 Khz), que o deputado estadual Edivaldo Holanda (PTC), pai do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Junior (PDT), apresentou, em 2015, na Assembleia Legislativa, uma emenda parlamentar da ordem de R$ 1.150.000,00 para ser aplicada em um dos hospitais Socorrões da cidade, cujo teto estava quase caindo e que a quantia não teria sido aplicada na reforma.

Na entrevista, Braide justificou que a perda da emenda teria se dado por falta de gestão administrativa do prefeito e também por pura incompetência do gestor no trato com a coisa pública.

Braide também ressaltou na entrevista que durante a campanha eleitoral de 2016, as comunidades o chamavam para ir a um determinado bairro e que tão logo a equipe de campanha do prefeito ficava sabendo, mandava asfaltar o local, para não dar brecha para o adversário tripudiar.

O líder do PMN na Assembleia destacou ainda que não será mais candidato à reeleição na Casa, por entender que já está oito anos no Legislativo estadual e entende ser o momento de alçar voos maiores. Quanto à sair candidato ao governo do Maranhão, Braide ressaltou que faz parte de um partido político e que para que isso ocorra, deve ficar acertado com a militância. O deputado também deve concorrer a uma vaga na Câmara Federal.  

Um comentário:

  1. Isso que ele disse sobre ir em bairro e o pessoal do prefeito ir antes ir colocar asfalto deve ser verdade, porque quando Braide foi a feira da liberdade que estava numa situação terrível de sujeira e os funcionários da empresa de limpeza da cidade foram lá dois antes da visita do deputado estadual deu uma limpeza geral.

    ResponderExcluir