quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Veja o vídeo! Marcelo Tavares na contramão do tio Zé Reinaldo


Em recente entrevista, o chefe da Casa Civil Marcelo Tavares mostra que vai na contramão da decisão do tio, o ex-governador e atual deputado federal José Reinaldo Tavares (sem partido) que rompeu com o governador e afilhado político, Flávio Dino (PCdoB), após não ter obtido a chancela oficial do Palácio dos Leões, na disputa a o Senado da República, para as eleições de outubro deste ano.

Carga explosiva! Zé Reinaldo se une a Waldir Maranhão


E não é que os deputados federais José Reinaldo Tavares (sem partido) e Waldir Maranhão (Avante) resolveram se unir e montar uma chapa inédita na disputa ao Senado da República, para as eleições de outubro deste ano.

O problema é que um dos dois pode ficar sem mandato no ano que vem ou até os dois parlamentares "morrerem" abraçados após o pleito à Câmara Alta.

Vale ressaltar que Zé Reinaldo e Maranhão decidiram romper com o governador Flávio Dino (PCdoB) ao ver a indecisão na chancela do Palácio dos Leões comunista para a segunda vaga ao Senado. A primeira já foi loteada pelo deputado Weverton Rocha (PDT).

A sorte é sua e a hora é essa!

terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Adeus Segóvia!


Indicado pelo ex-presidente José Sarney e outros caciques do MDB investigados na Lava Jato, o delegado Fernando Segóvia foi exonerado, nesta terça-feira, 26, da direção-geral da Polícia Federal, em Brasília, pelo novo ministro extraordinário da Segurança Pública, Raul Jungmann.

Segóvia estava no comando da corporação desde novembro do ano passado. Quem assume o cargo da PF será o delegado Rogério Galloro, que atualmente ocupa a Secretaria Nacional de Justiça (SNJ).

Após uma série de polêmicas, Segóvia caiu depois de fazer comentários considerados suspeitos com o intuito de blindar o presidente Michel Temer (MDB), no processo chamado Decreto dos Portos.

Em nota, Eliziane fala sobre o caso Cabo Campos


Por meio de nota encaminhada a este blog, a deputada federal Eliziane Gama (PPS) rebate a postagem intitulada: "Por que Eliziane silencia sobre o caso Cabo Campos?"

Veja abaixo a transcrição íntegra da nota

"A deputada federal Eliziane Gama informa que está acompanhando o caso, para que as medidas protetivas sejam cumpridas, inclusive no acompanhamento mais próximo junto a esposa. A parlamentar informa ainda que acredita na Justiça e que a ação em curso deverá transcorrer obedecendo todos os rigores da lei".


Por que Eliziane silencia sobre o caso Cabo Campos?


No momento, a população do Maranhão se faz um questionamento: Porque a deputada federal Eliziane Gama (PPS), pré candidata ao Senado da República, ainda se faz de surda e muda com relação à suposta agressão de violência física do deputado estadual Cabo Campos (DEM) contra sua esposa?

O desprezo à informação se dá mesmo depois da deputada estadual Valéria Macedo (PDT), que ocupa o cargo de procuradora da mulher na Assembleia Legislativa do Estado, ter confirmado que tramita no Tribunal de Justiça do Maranhão uma ação contra o parlamentar, que também é policial militar, por agressão contra sua esposa.

Assim como o caso segue em segredo de Justiça, a deputada Eliziane também se mantém em segredo.

Vale lembrar que o nobre deputado já foi, outrora, companheiro de chapa de Eliziane na disputa pela Prefeitura de São Luís.

E agora?!

Jota Pinto segue fortalecendo o PEN/Patriotas no Maranhão


Do blog do Glaucio Ericeira

O ex-deputado Jota Pinto, presidente estadual do PEN/Patriotas, continua desenvolvendo uma extensa agenda, cujas atividades, envolvem reuniões políticas para debater o projeto do partido rumo às eleições deste ano e filiações de novas lideranças.

Nesta segunda-feira (26), a sigla ganhou mais uma adesão. Trata-se do jornalista Mário Carvalho, que teve a sua ficha abonada por Jota e pelo deputado federal e vice-presidente nacional da legenda, Júnior Marreca.

Também participaram do ato a vereadora Concita Pinto; o vice-presidente estadual José Malheiros; e os também patriotas Dr. Ariosto e Dr. Lindinaval – está última presidente do diretório municipal de São Luís.

Carvalho agradeceu o convite e disse sentir-se honrado em estar filiado a um dos partidos mais organizados e que mais cresce no Maranhão.

Ao dar as boas-vindas ao jornalista, Jota Pinto explicou que várias outras novas filiações serão registradas nos próximos dias visando fortalecer, cada vez mais, a sigla com vistas aos pleitos para os cargos de deputado estadual e federal.

No último fim de semana, é importante destacar, Jota deu posse para 14 novas comissões provisórias instaladas em municípios da região Sul do Maranhão.

No próximo mês, a direção do PEN/Patriotas realizará encontro estadual, em São Luís, no qual apresentará novos filiados e anunciará oficialmente seu posicionamento acerca da eleição para o governo do estado.

Zé Reinaldo vai anunciar rompimento oficial com Flávio Dino


Dentre em breve o deputado federal José Reinaldo Tavares (sem partido) promete anunciar, oficialmente, o motivo do seu rompimento com o afilhado político, o governador Flávio Dino (PCdoB), e explicitar todas as razões detalhadas da crise que tem mexido com os bastidores políticos do Maranhão.

Na semana passada, Zé Reinaldo resolveu chutar o pau da barraca, ao perceber que o seu afilhado não tem nenhum interesse em apoiá-lo na disputa ao Senado da República, para as eleições de outubro, condição que o parlamentar não abre nem para o trem carregado de minério.

O pronunciamento oficial do deputado, que deve se filiar ao DEM, pode acontecer por meio de um vídeo a ser gravado nas próximas horas e postado nas redes sociais.

Vale aguardar novos desdobramentos!

Vereadores de São Luís aguardam votação do Uber em Brasilía


O projeto de lei que regulamenta serviços de transporte com aplicativos é o destaque da pauta do Plenário da Câmara a partir de terça-feira, 27. Os deputados precisam analisar o substitutivo do Senado para o PL 5587/16, do deputado Carlos Zarattini (PT-SP) e outros.

Uma das principais alterações feita pelos senadores retira do município a atribuição de autorizar a atividade, mantendo apenas a competência para fiscalizar o serviço.

Outra emenda aprovada pelo Senado retira da proposta original a obrigatoriedade de que o condutor seja proprietário do veículo e do uso de placas vermelhas nos carros.

Destaque- Em São Luís, tramita na Câmara Municipal, desde 2017, um projeto de lei de iniciativa do vereador Paulo Victor (PROS), que estabelece a regulamentação do serviço de transporte por aplicativo na capital maranhense.

A matéria entrou em pauta em meados deste mês, tendo sido pedido vista da proposição pelo vereador Genival Alves (PRTB), por 72 horas. 

Assim que a matéria retornar, o plenário terá dez dias para apreciação e votação. Sendo aprovada, seguirá para a sanção ou veto do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT).

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

O histórico encontro dos renegados


E não é que o renegado deputado federal José Reinaldo Tavares (sem partido) resolveu marcar para esta segunda-feira, 26, um encontro com o humilhado deputado Waldir Maranhão (Avante).

Ambos parlamentares estão sendo duramente esmagados pela "mão de ferro" do governador Flávio Dino (PCdoB), que não deve mesmo estender a "mão amiga" do Palácio dos Leões para que ambos possam ter palanque oficial na disputa ao Senado da República, nas eleições de outubro deste ano.

Ao que tudo indica os dois devem pular abraçados do barco dinista e migrar para uma nova embarcação.

Vale aguardar!!!

Veja o vídeo! Zé Reinaldo quer fazer a diferença no DEM


O deputado federal José Reinaldo Tavares (ex-PSB) já fala como o mais novo integrante do Partido Democratas (DEM) no Maranhão. Tanto que já tem dada marcada para o dia 10 de março para assinar ficha de filiação na nova sigla.

Vale lembrar que Zé Reinaldo já foi do DEM, quando a legenda se chamava PFL e o seu padrinho político era o ex-presidente José Sarney.

Zé Reinaldo insiste em sua candidatura ao Senado, com ou sem apoio do  seu afilhado político, o governador Flávio Dino (PCdoB), que resolveu trair o padrinho e não lhe dar a chancela para que ele possa ter o palanque comunista na disputa à Câmara Alta, nas eleições de outubro deste ano.

Mais uma segunda de caos e protesto em São Luís


Mais um dia de caos no trânsito de São Luís por conta do protesto, na manhã desta segunda-feira, 26, já que vendedores ambulantes pararam o trânsito no centro da capital maranhense. Com as obras do PAC Cidades Históricas do Governo Federal nas praças do Pantheon e Deodoro, os vendedores do comércio informal reclamam da falta de espaço para eles trabalharem.

Com o início da obra, os trabalhadores foram relocados para Avenida Silva Maia, também no Centro de capital. De acordo com os integrantes do movimento dos trabalhadores do comércio popular, os vendedores querem retornar para área da Deodoro. Desde as primeiras horas do dia, com cartazes e apitaços, o grupo iniciou uma caminhada pelas ruas do Centro para chamar a atenção do poder público.

Durante a ação, uma engarrafamento se formou, o Canto da Fabril ficou totalmente fechado. Agentes da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), além do Batalhão de Choque da Polícia Militar foram acionados para fiscalizar e controlar a manifestação.

domingo, 25 de fevereiro de 2018

Flávio Dino já admite que Zé Reinaldo se perdeu no caminho


Mediante a crise de identidade política do ex-aliado, o deputado federal José Reinaldo Tavares (PSB), o governador Flávio Dino (PCdoB) acabou ironizando o destempero verbal do padrinho político e jogado uma indireta para ele, publicamente.

Citando um trecho da Bíblia, durante a convenção do PRB, realizada no último sábado, 24, Dino declarou:

"Há uma passagem que nos ensina sobre a importância desse momento: nenhuma caminhada da libertação, nenhuma caminhada de mudanças é simples. O povo de Deus vivia escravizado , subjugado, sob o domínio do faraó do Egito. O povo de Deus, inspirado pelo desejo de viver melhor, resolveu empreender uma caminhada . Essa caminhada era feito no meio de rios, de vales verdejantes? Não. Era feita no deserto, era feita de dificuldades. E houve quem no meio do caminho se perdesse".

Zé Reinaldo é do tipo one way, descartável para Flávio Dino


A semana política começa com a polêmica declaração do deputado federal José Reinaldo Tavares (PSB) de que ..."se Flávio Dino não me quer, tem quem queira".

Seria esta a certeza de que Zé Reinaldo passou a ser persona non grata no arraial comunista do governador Flávio Dino? Qual será agora o destino de Zé Reinaldo? Será que ele volta para os braços de Sarney?

Pelo visto, são várias as inquietações políticas que rondam a figura do deputado Zé Reinaldo, que traiu Sarney e agora, sofre na pele as marcas da traição de Dino.

O deputado socialista parece mesmo ter jogado a toalha quando faz a seguinte afirmativa: "Pelo andar da carruagem, não serei candidato pela chapa do Flávio, por falta de interesse dele. Não tem demonstrado interesse há algum tempo", declarou.

Apesar disso, Zé Reinaldo insiste que será candidato ao Senado da República, com ou sem a chancela palaciana do governador Flávio Dino.

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

"Os cancelamentos serão feitos automaticamente", diz Canindé

Secretário municipal de Trânsito, Canindé Barros                             (Foto Karlos Geromy)
Diante das críticas, o secretário municipal de Trânsito e Transportes, Canindé Barros, garantiu que nesta sexta-feira, 23, todas as multas duplicadas emitidas pelo órgão serão canceladas e um radar, que estava com defeito, na avenida Colares Moreira, próximo à Lagoa da Jansen, será trocado.

"Todas essas multas serão canceladas do sistema. Já determinamos, por meio de ofício, para que sejam feitas essas baixas no sistema. A partir de segunda-feira, 26, o condutor pode retirar o nada consta e verificar que a multa foi retirada", enfatizou o secretário Canindé.

Foram quase 2 mil multas. No entanto, o titular da SMTT admitiu que houve irregularidades na emissão dessas multas e que, portanto, foram revistas pelo próprio órgão para que nenhum condutor ou proprietário de veículo seja prejudicado.

Até aonde vai a culpabilidade do delegado Bardal?


Ainda custa a cair a ficha que o delegado Tiago Bardal, exonerado da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic), possa estar envolto no manto da corrupção e intrinsecamente ligado a uma suposta organização criminosa de contrabando de cigarros, uísque, armas e munições, saídos do Suriname, país do norte da América do Sul, com entrada ilegal no Maranhão pelo litoral.

Mas tudo isso, as investigações do aparato de Segurança Pública do Estado devem revelar à sociedade maranhense, ao passo que as provas materiais forem aparecendo. É preciso ter cautela nesse momento!

Vale lembrar que a atividade criminosa em questão foi desarticulada na noite da última quarta-feira, 21, e madrugada de quinta-feira, 22, quando quatro policiais militares e outros sete suspeitos foram presos durante uma grande operação deflagrada na comunidade Arraial, no bairro Quebra Pote, situado na zona rural de São Luís. 

Esta já é considerada a segunda maior organização criminosa do Maranhão dos últimos 20 anos, envolvida com tráfico de armas, drogas e outras mercadorias como uísques e cigarros.

A informação da exoneração foi divulgada pelo secretário de Segurança Pública do Estado do Maranhão, Jefferson Portela, e o comandante da Polícia Militar do Maranhão, Coronel Pereira, em coletiva durante a tarde. Na noite desta quinta-feira, o delegado Tiago Bardal prestou depoimento na Superintendência Estadual de Prevenção Combate à Corrupção (SECCOR), localizada no São Francisco. As informações foram confirmadas pela assessoria da Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP/MA).

O delegado Tiago Bardal foi encontrado por uma patrulha da Polícia Militar em estrada onde a organização criminosa operava, que seria investigada na Operação ‘Combate à Corrupção’. De acordo com o secretário Jefferson Portela, Bardal foi encontrado acompanhado por um homem estranho ao serviço público. “Nada justifica a presença dele no local porque ele não estava em operação policial”, explicou o secretário.

Os policiais detidos na operação durante a manhã foram levados para o Comando Geral da Polícia Militar do Maranhão e os outros foram encaminhados para a Superintendência Estadual de Prevenção e Combate a Corrupção (SECCOR). Durante a operação, foram apreendidos veículos, sendo um carro de passeio, uma caminhonete, duas carretas, além de armas (pistolas, revólveres e escopetas), caixas com garrafas de uísques  e uma grande quantidade de cigarros. Também foi localizado um depósito com mais caixas de uísque, que seriam produtos contrabandeados do grupo envolvido com a organização criminosa.

Bardal dá entrevista

Em entrevista exclusiva ao programa Ponto e Vírgula, da rádio Difusora FM, concedida por volta das 18h40 de quinta-feira, o delegado Tiago Bardal se queixou que passou o dia todo trabalhando normalmente e que em nenhum momento foi chamado para depor e apresentar a versão oficial dos fatos. 

“Dois policiais me abordaram horas antes da operação. Todos os que foram presos, nenhum me conhece, nunca me viu”, disse ele em entrevista (ouça o áudio na íntegra abaixo).

quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

PSDB do Maranhão pode sofrer intervenção


O PSDB do Maranhão, que tem como pré-candidato ao governo do estado o senador Roberto Rocha, pode vir a sofrer intervenção. Pelo menos é isso que o pré-candidato à Presidência da República, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, pretende definir. Ele vai ter a palavra final sobre as candidaturas do PSDB aos governos estaduais.

Segundo o portal da Veja, a ideia é usar uma resolução partidária de 2014 que deu carta branca à executiva do partido para promover intervenções nos diretórios regionais quando necessário.

Naquele ano, o senador Aécio Neves (MG) era presidente do PSDB e pré-candidato ao Palácio do Planalto, assim como Alckmin agora. A proposta foi aprovada na época pelo diretório nacional, apesar de sofrer forte resistência interna.

A preocupação no entorno de Alckmin é que ele fique sem palanques fortes nos principais colégios eleitorais do país. Pelo mapa atual, o PSDB não tem opções competitivas em Minas Gerais, Rio, Bahia e Pernambuco, que representam cerca de 30% do eleitorado nacional.

Quem são os policiais militares presos?


Uma pergunta que a sociedade maranhense faz nesse momento: quem são os quatro policiais militares presos nesta quinta-feira,22,  e outros sete suspeitos durante uma grande operação deflagrada pela PM na comunidade do Arraial, no Quebra Pote, zona rural de São Luís?

Participaram da ação o secretário de Segurança Pública do Estado do Maranhão, Jefferson Portela, e o comandante da Polícia Militar do Maranhão, Coronel Pereira.

Os policiais, suspeitos de integrarem uma milícia, foram levados para o Comando Geral da Polícia Militar do Maranhão e os outros presos foram encaminhados para a Superintendência Estadual de Prevenção e Combate a Corrupção (SECCOR).

Durante a operação, foram apreendidos veículos, sendo um carro de passeio, uma caminhonete, duas carretas, além de armas (pistolas, revólveres e escopetas), bebidas e cigarros.

Adiada audiência pública na Câmara de São Luís


O líder do PSD na Câmara Municipal de São Luís, vereador Cezar Bombeiro, informa que a audiência pública que seria realizada na Casa na sexta-feira, 23, para tratar sobre a situação das quadras poliesportivas e campos de futebol foi adiada para o dia 6 de abril.

Segundo o parlamentar, o adiamento se deu por conta de problemas estruturais no prédio do Legislativo. "Houve a necessidade deste adiamento emergencial e, portanto, foi definida uma nova data para acontecer, sem prejuízo para a discussão do tema", declarou Bombeiro.

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Lideranças ainda aguardam Roseana botar o pé na estrada


Lideranças políticas já definem que março será o mês estratégico para que a ex-governadora Roseana Sarney (MDB) dê o pontapé inicial na sua pré-candidatura, pela quinta vez consecutiva, na disputa ao Palácio dos Leões, para as eleições de outubro.

A ex-governadora terá como principal adversário o governador Flávio Dino (PCdoB), mas também encontrará pela frente outros nomes na corrida sucessória ao governo do Maranhão como o senador Roberto Rocha (PSDB), Maura Jorge (Podemos), Ricardo Murad (PRP), Eduardo Braide (PMN) e outros aventureiros de plantão de partidos da ultra-esquerda.

Até o momento, Roseana permanece muda sobre sua entrada na campanha eleitoral, mas pessoas mais próximas a ela acreditam que março será mesmo o mês em que a ex-governadora deve anunciar sua pré-candidatura e andanças pelos 217 municípios do Maranhão.

Vale aguardar!

Carlos Brandão já fala como filiado do PRB


O vice-governador Carlos Brandão deve se filiar neste sábado, 24, nas hostes do Partido Republicamo Brasileiro (PRB), que deixou a presidência estadual do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) em novembro do ano passado, e que agora se filia à nova legenda.

Devem estar presentes no ato de filiação o presidente nacional do PRB, Marcos Pereira, o presidente nacional em exercício, senador Eduardo Lopes, o presidente estadual do PRB no Maranhão, deputado federal Cleber Verde, o deputado estadual Júnior Verde, dentre outras lideranças políticas.

Carlos Brandão começou a carreira política em 2000. Entrou para o PSDB em 2006 como deputado federal e saiu pela porta dos fundos com a entrada do senador Roberto Rocha na sigla.

Nas eleições de 2014, foi eleito vice-governador do  Maranhão na chapa encabeçada por Flávio Dino (PCdoB) e atualmente, segue com o mandato.

Prefeitura solicita novo empréstimo de R$ 100 milhões à Câmara


Já se encontra na ordem do dia desta quarta-feira, 21, na Câmara Municipal de São Luís, o projeto de lei nº 006/2018, que autoriza a Prefeitura a contrair empréstimo de R$ 100 milhões junto ao Banco do Brasil/S.A, para obras e serviços de infraestrutura na cidade.

Vale ressaltar que em dezembro passado, no apagar das luzes do Legislativo, o plenário da Casa aprovou empréstimo junto à Caixa Econômica Federal no valor de R$ 240 milhões, que seriam para execução de obras de infraestrutura no município.

Segundo o vereador Edson Gaguinho (PHS), o prefeito Edivaldo solicitou uma nova autorização de empréstimo à Câmara, por conta do empréstimo junto à Caixa não ter sido aprovado pela instituição bancária.

"Esse empréstimo anterior acabou sendo cancelado e, portanto, a Prefeitura está solicitando uma nova autorização da Casa", declarou o vereador gaguinho.

No início da sessão, a matéria foi retirada de pauta pelo presidente Astro de Ogum (PR), para análise prévia dos representantes do Legislativo, para retornar o projeto na próxima semana.

terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

É bom botar o bigode de molho. Sarney está de volta!


E não é que o assunto do momento no cenário político é a mudança de domicílio eleitoral do ex-presidente José Sarney (MDB) do Amapá para o Maranhão.

A consumação do fato foi formalizada na tarde da última segunda-feira, 19, quando o ex-presidente esteve na 3ª Zona Eleitoral de São Luís, onde Sarney efetivou sua transferência de décadas eleitorais do Amapá para o Maranhão.

O que se pergunta nesse momento é: o que pode acontecer com essa mudança drástica? O que estaria tramando ou articulando o nobre Sarney? Que implicações isso pode resultar ou não?

Pelo visto, muitas dúvidas e incertezas pairam sobre essa histórica troca de título eleitoral, principalmente quando se está a oito meses das eleições, quando estarão em disputa cargos majoritários de Presidente da República, Governador e Senador. 

Sem falar nos cargos proporcionais de deputados federal e estadual.

É bom botar a barba ou o bigode de molho!

Marcial Lima diz que prefeito está dormindo em berço esplêndido


A sessão deliberativa desta terça-feira, 20, na Câmara de São Luís, foi marcado pelo forte discurso do vereador Marcial Lima (PEN) contra a gestão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT).

Segundo o parlamentar, a cidade está precisando de um gestor que venha das bases comunitárias. "São Luís precisa de um prefeito comunitário, que ande na cidade, que vá aos bairros da zona rural, que precisa estar nas bases da cidade", declarou.

Para Marcial Lima, nesse momento de intensa chuva na capital, São Pedro não pode ser culpado pelos problemas de São Luís, mas ainda assim está sendo culpado.

"A maioria desses problemas de infraestrutura que estão sendo enfrentadas pela população, são obras que já foram feitas pelo poder público e não resolveram nada. O asfalto que foi colocado e não tem três meses, está se desmanchando", frisou.

Marcial Lima disse que todo mundo cobra dos vereadores em andanças pelos bairros de São Luís, mas não há o que fazer. "Infelizmente, não temos um prefeito comunitário nesta cidade. O prefeito está dormindo", enfatizou.

Depois de Fernandes e Cristiane, PTB mudará o disco

Atrelamento ao governador Flávio Dino (PCdoB) barrou a posse do deputado Pedro Fernandes no Ministério do Trabalho
Depois de ver naufragada as indicações para o Ministério do Trabalho do deputado federal Pedro Fernandes, vetado pelo ex-presidente José Sarney (MDB), e da deputada Cristiane Brasil, enrolada em processos na própria Justiça do Trabalho, eis que o PTB vai apostar em um novo nome para o cargo.

Estão no páreo agora os deputados federal Sérgio Moraes (RS), Jorge Corte Leal (PE) e o ex-senador Wilson Santiago (PB).

A lambança envolvendo indicações do PTB teve início, em meados de dezembro passado, quando o parlamentar maranhense Pedro Fernandes foi catapultado horas antes de assumir a função pelo ex-presidente Sarney, cuja exploração política teve como pano de fundo o Palácio dos Leões, sede do governo do Maranhão.

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Vereador pede vista e adia votação do Uber na Câmara


O projeto que regulamenta o serviço de transporte por aplicativo (Uber) nem bem entrou na pauta da Câmara Municipal de São Luís, na sessão desta segunda-feira, 19, e o vereador Genival Alves (PRTB/foto) prontamente pediu vista da matéria por 72 horas, sob a justificativa de melhor analisar o assunto.

O polêmico projeto, de iniciativa do vereador Paulo Victor (PROS), terá agora de aguardar a volta da matéria para discussão em plenário, para que seja dado prosseguimento normal na Casa.

Segundo o presidente da Câmara, Astro de Ogum (PR), após o retorno da matéria, o projeto terá um prazo de 10 dias úteis para ser votado no Legislativo.

Caso a matéria seja aprovada, seguirá para sanção ou veto do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT).

Carioca volta a afirmar que uma cadeira será sua na AL


O intrépido e polêmico ex-vereador de São Luís, Paulo Roberto Pinto Lima, o "Carioca", voltou a reafirmar que uma das 42 vagas na Assembleia Legislativa do Maranhão será sua, nas eleições de outubro deste ano. 

Na condição de pré-candidato a deputado estadual, Carioca afirma que tem buscado articulações políticas diversas, tanto na capital quanto no interior do estado, para garantir uma votação expressiva que ultrapasse a casa dos 30 mil votos.

"Tenho compromisso com a população, divulgando por onde passo a verdade do que está acontecendo neste estado. Não vou desistir de minha candidatura, que com certeza, será vitoriosa na defesa do povo do Maranhão", declarou o ex-parlamentar.

Atualmente, Carioca está deixando as hostes do PHS e desembarcando de mala e cuia no PRTB, partido ao qual ficou na primeira suplência, no pleito de 2012, tendo uma passagem meteórica no parlamento municipal.

Uber é o primeiro projeto a entrar na pauta da Câmara de São Luís


Já se encontra na pauta da Câmara Municipal de São Luís, desta segunda-feira, 19, o projeto de lei nº 001/2017, que trata da regulamentação do sistema por aplicativo de transporte na capital maranhense, cuja operacionalidade é da iniciativa privada.

A proposta, de autoria do vereador Paulo Victor (PROS), sofreu algumas alterações por parte da Comissão de Mobilidade Urbana da Casa, que serão apreciadas e votadas pelo plenário em forma de emendas parlamentares. 

Uma delas determina que a empresa multinacional norte-americana, dona do aplicativo Uber, pague ao município o Imposto Sobre Serviço (ISS). A taxação, que é regida pela Lei Complementar 116/2003, está sendo depositada nas contas do estado de São Paulo, sem deixar dividendos para a cidade de São Luís.

Enquanto não há uma regulamentação específica no Legislativo, os condutores do aplicativo Uber permanecem operando na ilegalidade no município. O vereador Paulo Victor acredita que a matéria deverá ser apreciada e votada ainda neste primeiro semestre.

domingo, 18 de fevereiro de 2018

Roseana Sarney nem pensa mais em ter o PT em seu palanque no Maranhão


A condenação em segunda instância pelo TRF 4, de 12 anos e 1 mês de prisão, do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva colocou um balde de água fria na possível aliança do MDB e do PT no Maranhão, para as eleições de outubro deste ano.

A própria pré-candidata ao Palácio dos Leões, ex-governadora Roseana Sarney (MDB), já não mais nem cita o nome do ex-presidente petista, para evitar maiores constrangimentos políticos no estado. Bem diferente de épocas passadas.

Em âmbito nacional, líderes e caciques do MDB já avaliam a necessidade de romper alianças ou acertos prévios com o PT, caso a sigla tenha outro pré-candidato à Presidência da República no lugar de Lula, que pela Lei da Ficha Limpa está inelegível e não poderá participar do pleito vindouro.

Antes de ser condenado, Roseana Sarney ainda analisou a possibilidade de utilizar, politicamente, a popularidade de Lula para alavancar votos e evitar que o PT pudesse fechar palanque com o governador Flávio Dino (PCdoB).

Após a condenação, o cenário é outro e o distanciamento ao PT passou a ser a tônica. 

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Zé Reinaldo confirma filiação no DEM e deixa Eliziane em pânico


A confirmação de que o ex-governador e atual deputado federal José Reinaldo Tavares vai deixar nos próximos dias o PSB e se filiar no DEM, deve ser a senha para que o parlamentar possa obter, de uma vez por todas, a chancela oficial do Palácio dos Leões comunista, na corrida ao Senado da República, para as eleições de outubro.

Essa seria a segunda vaga à Câmara Alta, com o aval do governador Flávio Dino (PCdoB), que também vem sendo disputada palmo a palmo pelos deputados federais Waldir Maranhão (Avante) e Eliziane Gama (PPS), que não perde uma chance de segurar na barra da calça governista.

A primeira vaga com apoio das hostes comunistas ficou com o deputado federal Weverton Rocha (PDT), cujo anúncio governista foi feito ainda no final do ano passado, durante reunião do PTC, que contou com a presença de Flávio Dino.

O grande problema em questão no momento é que o deputado Zé Reinaldo vem cobrar uma fatura política ao governador, por já ter aberto mão, por duas vezes consecutivas, de não concorrer ao Senado para fortalecer o atual grupo político que comanda o Maranhão.

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Vereador encaminha ofício ao MP sobre reajuste nas tarifas de ônibus


O líder do PSD na Câmara de São Luís, vereador Cezar Bombeiro, encaminhou ofício ao procurador geral de Justiça, Luis Gonzaga Martins Coelho, solicitando a intervenção do Ministério Público para proceder análise no aumento no preço das passagens dos transportes coletivos de São Luís. 

A decisão do parlamentar foi provocada pelo fato do Sindicato das Empresas de  Transporte de Passageiros (SET) alegar inúmeras dificuldades para transferir suas responsabilidades fazendo-as serem embutidas no valor das tarifas.

Enquanto o Sindicato das Empresas aponta que os terminais de integração, bilhetagem eletrônica, ar condicionado,  e GPS, além de outros itens constantes no contrato de licitação, incidem em alaterações na planilha de custos, Cézar Bombeiro afirma que desde a celebração desse acordo nada melhorou para o usuário. “Muito pelo contrário, as dificuldades de outrora foram acentuadas com os vícios das empresas nos mesmos setores, ainda tripudiando dos usuários”, completa.

O vereador social democrata defende que o reajuste das tarifas têm de passar por uma ampla discussão envolvendo a Câmara Municipal, o Ministério Público e entidades da sociedade civil.

Por sua vez, o setor empresarial tem o entendimento contrário, para que a tarifa da remuneração seja composta pela passagem e complementada pelo município com subsídio para as concessionárias.

Nova pesquisa aponta Flávio Dino a frente de Roseana Sarney


O jornal Bom Dia Maranhão (TV Difusora), desta quinta-feira, 15, divulgou para todo o estado a pesquisa eleitoral do ano de 2018. Há oito meses do pleito, o levantamento apontou as tendências do eleitorado maranhense entre o governador Flávio Dino (PCdoB), Roseana Sarney (MDB), Eduardo Braide (PMN), Ricardo Murad (PRP) e Roberto Rocha (PSDB).

O levantamento, realizado pelo instituto Data Ilha, foi registrado junto à Justiça Eleitoral sob o número MA-06345/2018 e foi realizado em 37 cidades do Estado nos dias 08 e 09 de fevereiro deste ano.


De acordo com a pesquisa espontânea (aquela em que não são apresentados os nomes dos candidatos), Flávio Dino é o favorito entre os eleitores, com 40,8% dos votos. Em seguida aparecem, Roseana Sarney com 16,5%, Eduardo Braide com 1,4%, Ricardo Murad com 1%, Roberto Rocha tem 0,4% dos votos e Maura Jorge com 0,2%.

Segundo levantamento, 33% dos entrevistados não sabem em quem votar ou não responderam. Votos brancos e nulos correspondem a 6%.Quando são apresentados os nomes dos candidatos o resultado foi o seguinte: 62,39% disseram votar em Flávio Dino. 


Outros 29,15 % em Roseana Sarney, 4,90%  em Eduardo Braide, Ricardo Murad teria 1,28% das intenções de voto, enquanto Roberto Rocha 1,22% e Maura Jorge 1,05 %.Se os candidatos fossem apenas Flávio Dino e Roseana Sarney, o governador continuaria a frente com 66,14% dos votos e a  candidata do MDB com 33,86%.

Com informações do MA10

Quem terá mesmo o apoio oficial do governo na corrida ao Senado?


Passada as festividades de momo, eis que as articulações políticas ganham novo fôlego. E isso vale para os pré-candidatáveis ao Senado da República que buscam, a todo custo, o apoio oficial do Palácio dos Leões comunista, na disputa das eleições de outubro deste ano no Maranhão.

Na briga pela segunda vaga, com o aval do governador Flávio Dino (PCdoB), continuam os pré-candidatos ao cargo majoritário os deputados federais José Reinaldo Tavares (PSB), que pode se filiar no DEM, Waldir Maranhão (Avante) e Eliziane Gama (PPS).

Até o momento, o governador vem embalando sonhos dos três candidatáveis sem apontar o dedo oficial para nenhum dos três, que permanecem buscando apoio de lideranças políticas pelo interior do estado na tentativa de ganhar a graça do governo e ser o escolhido.

A sorte está lançada!

quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Segóvia terá de prestar esclarecimentos ao STF


Indicado pelo ex-presidente José Sarney e nomeado pelo presidente Michel Temer (MDB), o diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia, deve na próxima segunda-feira, 19, responder aos questionamentos feitos pelo ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF).

No sábado passado, 10, o ministro mandou intimar Segóvia para esclarecimentos, após o diretor da PF, em entrevista à Reuters, afirmar que a tendência é que as investigações cotra o presidente Michel Temer sobre o decreto dos portos seja arquivado.

Barroso é relator do inquérito no STF.

"Tendo em vista que tal conduta, se confirmada, é manifestamente imprópria e pode, em tese, caracterizar infração administrativa e até mesmo penal. determino a intimação do senhor diretor da Polícia Federal, Fernando Segóvia, para que confirme as declarações que foram publicadas..."

Maranhão inspira e Tatuapé vence no sambódromo em São Paulo



E não é que o Maranhão foi o grande inspirador do Carnaval 2018, no sambódromo do Anhembi de São Paulo. 

A agremiação Acadêmicos do Tatuapé, escola da zona leste paulistana, foi a grande vencedora da folia de momo com um desfile irretocável que contou a história e as tradições do estado do Maranhão.

Com a vitória, a Tatuapé sagrou-se bicampeã do carnaval de São Paulo, cujo título só foi garantido na apuração da última nota do último jurado, com o quesito de mestre-sala e porta-bandeira.

A escola teve a marca do carnavalesco maranhense, Wagner Santos, e contou com a participação de 2.761 componentes.

E viva o nosso Maranhão!!

terça-feira, 13 de fevereiro de 2018

Segóvia a serviço do esquema de corrupção do MDB


Ainda continua repercutindo as declarações do diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia, sugerindo o arquivamento do inquérito do decreto dos portos, pelo qual o presidente Michel Temer (MDB) teria recebido propina para favorecer o Grupo Rodrimar.

A tese da inexistência de indícios de crime por parte do presidente, alvo de três outras acusações como corrupção passiva, organização criminosa e obstrução de justiça, esbarram no balanço, concluído em meados de dezembro de 2017, em que dois analistas apontam ao delegado Cleyber Malta Lopes, responsável pelo inquérito, a necessidade de aprofundamento das investigações.

Fernando Segóvia havia sinalizado que não haveria mais nada a fazer sobre o assunto, por não detectar a existência de crime.

No entanto, agentes da Polícia Federal sugerem a quebra dos sigilos telefônico, fiscal e bancário dos investigados, como é o caso do próprio Michel Temer, suspeito de compor um esquema de corrupção juntamente com outros caciques do MDB.

Segóvia foi indicado ao cargo pelo ex-presidente José Sarney e nomeado pelo presidente Michel Temer.

domingo, 11 de fevereiro de 2018

Indicado por Sarney, Segóvia é acusado por trapalhada na PF



Nem mesmo o Carnaval conseguiu tirar o foco da "trapalhada" que o diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia, protagonizou nos últimos dias de momo.

Indicado ao cargo maior da PF pelo ex-presidente José Sarney e empossado na função pelo presidente Michel Temer (MDB), Segóvia já garantiu que deve ser arquivada investigação contra o presidente da República, no caso envolvendo o Porto de Santos e a Rodrimar, cuja empresa teria sido beneficiada indevidamente.

Após repercussão negativa das declarações do diretor-geral da PF, até mesmo dentro da própria corporação, o governo preferiu considerar de "trapalhada" o que disse Segóvia.

Para a maioria dos brasileiros, não se trata de uma pura trapalhada, mas sim a prova cabal de que as ações de Segóvia visam abafar as investigações contra políticos investigados pela Operação Lava Jato, dentre eles o próprio presidente Temer e boa parte dos caciques do MDB.

É Carnaval !!!


sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

Waldir Maranhão agoniza, mas não perde a esperança


O atrapalhado deputado federal Waldir Maranhão (Avante) ainda mantém a disposição de sair candidato ao Senado da República, nas eleições deste ano, com ou sem o apoio formal do governador Flávio Dino (PCdoB).

Observando que é cada vez mais difícil obter a chancela oficial do Palácio dos Leões, Maranhão garante que sua disposição é a mesma e, portanto, continua investindo em articulações com lideranças políticas pelo estado para viabilizar sua candidatura à Câmara Alta.

Maranhão ainda aguarda o apoio do governador comunista, em troca daquela canetada que anulou, por menos de 24 horas, o impeachment da então presidente Dilma Rousseff (PT).

Na oportunidade, Maranhão presidia a Mesa Diretora da Câmara Federal, em Brasília, e Flávio Dino o maior defensor de Dilma para que ela não fosse afastada do Palácio do Planalto.

quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

PF prende oficiais do Corpo de Bombeiros do Maranhão


A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira, 8, a Operação Torrentes II - Círculo de Fogo, que investiga a relação de bombeiros militares do Maranhão com suspeitos de fraudes no plano de reconstrução de cidades pernambucanas atingidas por enchentes em 2010 e em 2017. 

Os agentes cumpriram, até as 10 horas (horário local), seis dos sete mandados de prisão expedidos, bem como nove mandados de busca e apreensão nos dois estados.

Entre os presos no Maranhão, segundo a PF, está o ex-comandante do Corpo de Bombeiros, João Wanderley Costa Pereira. Também foi detido o tenente Augusto César Cutrim.

No Maranhão, os agentes cumpriram dois dos três mandados de prisão preventiva e sete de busca e apreensão. Estão entre os presos um ex-comandante do Corpo de Bombeiros e um tenente da croporação.

Ao todo, 80 policiais federais cumpriram os mandados de prisão e busca e apreensão, todos expedidos pela 13ª Vara da Justiça Federal em Pernambuco.

"Estou muito próximo do governador", avisa Zé Reinaldo


Mediante às novas especulações sobre o segundo nome a ter a chancela do governador Flávio Dino (PCdoB), nas eleições de outubro deste ano, na corrida ao Senado da República, uma coisa o deputado federal e ex-governador José Reinaldo Tavares (PSB) já tem certeza: que estará aliado ao Palácio dos Leões nessa nova jornada.

"Estou muito próximo do governador. O Senado é um projeto que fizemos juntos desde 2006. De forma que esse é um projeto que eu tenho e nós estaremos juntos na eleição, sem dúvida".

Já é dado como certo que após o período do Carnaval, Zé Reinaldo deve deixar as hostes do PSB e desembarcar de cabeça no DEM, para concorrer a uma das duas vagas ao Senado com o aval comunista.

Em troca o DEM estará aliado ao projeto de reeleição do governador Flávio Dino no Maranhão.

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

Dilma pode ter a chancela do Palácio dos Leões ao Senado no Maranhão


A demora do governador Flávio Dino (PCdoB) na escolha do segundo nome na disputa ao Senado da República, com o aval oficial do Palácio dos Leões, já teria uma explicação, ainda que remota.

Isso porque o PT nacional estaria fazendo um levantamento para saber em quais estados a ex-presidente Dilma Rousseff poderia concorrer à Câmara Alta, nas eleições de outubro deste ano.

Uma das unidades da federação avaliada seria o Maranhão, que vem sendo estudada a hipótese de servir de abrigo político para a ex-presidente, com aval do governador comunista. A outra vertente seria o vizinho Piauí, do governador Wellington Dias (PT).

Se isso se confirmar, Dino passaria a rasteira nos deputados federais José Reinaldo Tavares (PSB), Eliziane Gama (PPS) e Waldir Maranhão (Avante), que disputam o apoio oficial do governador com unhas e dentes.

Vale aguardar!!!