terça-feira, 18 de setembro de 2018

"O presidente Lula não precisa de indulto", diz Gleisi


O ex-presidente Lula será solto logo após o processo eleitoral e terá o “papel preponderante” que quiser em um eventual governo Fernando Haddad (PT), diz a presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR). Em entrevista ao Valor Econômico, Gleisi afirma que o ex-presidente só está preso para não participar da eleição e que ele poderá atuar formal ou informalmente no Executivo caso Haddad seja eleito em outubro.

“O presidente Lula não precisa de indulto. O presidente Lula precisa de justiça, de um julgamento justo. Vamos trabalhar para que isso aconteça e ele seja liberado o mais rápido possível”, declara. “O Lula foi preso para não participar da eleição. Eu não tenho dúvidas de que, logo após o processo eleitoral, o Lula vai estar nas ruas novamente. Não se justifica a prisão do Lula pelo processo que ele foi julgado e condenado”, reforça.

Gleisi vê como certa a presença de Jair Bolsonaro no segundo turno e acredita que Haddad terá o apoio de Ciro Gomes (PDT) na fase final da campanha. E praticamente descarta uma eventual união com a ex-petista Marina Silva (Rede). 

“Não acredito que ela queira nos apoiar. Porque a postura dela em relação ao Lula foi muito ruim, de dizer que Lula era culpado na entrevista que deu no Jornal Nacional".

Com informações do Congresso em Foco

Nenhum comentário:

Postar um comentário