sexta-feira, 10 de junho de 2016

Uma saída para a greve dos professores


O vereador Fábio Câmara (PMDB/foto), pré-candidato a prefeito de São Luís, está propondo um projeto de lei que disponibiliza o remanejamento de créditos para despesa do Executivo Municipal por conta do reajuste solicitado pelos professores da ordem de 11,36%. Até o momento, os professores mantém estado de greve por tempo indeterminado, sendo que a Prefeitura apresentou como contra proposta um aumento de 10,67%, com base nos índices de inflação.

Veja o que diz o vereador no facebook

SAÍDA PARA O FIM DA GREVE

Um projeto de lei que dispõe sobre a autorização de remanejamento de créditos para despesa do Poder Executivo Municipal em face do reajuste de 11,36% no vencimento dos professores da rede pública municipal, apresentado por mim na Câmara Municipal de São Luís, foi uma saída que encontrei para pôr fim à greve que completa 18 dias e prejudica mais de 85 mil alunos na capital maranhense. A proposta que começou a tramitar no Poder Legislativo não acarretará em aumento de despesa para o Executivo. Na verdade, apenas propõe o remanejamento de créditos que apontam a fonte dos recursos para complementar o reajuste salarial de 11,36% dos professores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário