generocidade

generocidade

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2020

Othelino critica ato insano de Bolsonaro e convoca mobilização política


O presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, Othelino Neto (PCdoB), também usou sua conta nas redes sociais para repudiar a tentativa do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em colocar o povo nas ruas, no dia 15 de março, contra as instituições democráticas do Brasil.

Para o parlamentar, é preciso ação e mobilização de toda sociedade contra esse ato insano do chefe do Planalto.


O apoio do presidente às manifestações que defendem o fechamento do Congresso Nacional e do STF é uma clara afronta ao Estado Democrático de Direito. É imperioso que as forças políticas responsáveis e a sociedade se mobilizem e tomem providências.


1:04 PM · Feb 26, 2020Twitter for iPhone

Weverton diz ser grave incitação do presidente Bolsonaro contra democracia


O líder do PDT no Senado, Weverton Rocha, usou as redes sociais para considerar "muito grave" a postura do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em usar a prerrogativa de chefe do Palácio do Planalto para incitar manifestação nas ruas contra os Poderes Legislativo e Judiciário.

Para o parlamentar, trata-se de um ato contra a manutenção da democracia brasileira.

Muito grave a informação de que o presidente da República está convocando ato contra os outros poderes. Congresso e STF fechados, só numa ditadura. Precisamos unir os que acreditam na democracia. Golpe de novo, não!
10:27 PM · Feb 25, 2020Twitter for iPhone

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2020

Duarte Jr espera contar com apoio de Eliziane na disputa em São Luís


Apesar de ações na justiça eleitoral contra o excesso de suposta propaganda antecipada, o deputado estadual Duarte Jr (Republicanos) segue sua caminhada visando maior amplitude em sua pré-campanha à Prefeitura de São Luís, para as eleições de outubro.

No fim de semana, em pleno período de Momo, o parlamentar se reuniu com o governador Flávio Dino (PCdoB) e a senadora Eliziane Gama, de olho numa aproximação com o partido Cidadania, que é controlado pela parlamentar evangélica no Maranhão.

Também esteve participando do bloco o vice-governador Carlos Brandão, apoiador da candidatura do jovem mancebo à sucessão municipal na capital maranhense.

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020

Dino muda o discurso depois das revelações feitas pelo The Intercept Brasil


Depois da grande repercussão da reportagem do site The Intercept Brasil sobre as relações dos "Negócios da China" no governo Flávio Dino (PcdoB) no Maranhão, o chefe comunista do Executivo passou a usar nas redes sociais um discurso mais brando, dizendo que o foco é sua gestão estadual e que a eleição presidencial de 2022 ainda está longe.

A reportagem, que mostra que em troca dos negócios da China pobres estão sendo desalojados de suas terras no Maranhão, é assinada pela jornalista Sabrina Felipe.
Foco no Maranhão. Eleição presidencial está muito longe. E nela posso apoiar o candidato progressista que tiver mais chance. E sempre faço campanha com entusiasmo, como fiz com Haddad em 2018. Explico no vídeo.

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020

PT ressurge das cinzas e anuncia que terá candidatura na capital

Os deputados Zé Inácio e Zé Carlos na disputa interna no PT
Entre uma reunião e outra, a executiva do PT em São Luís decidiu que terá candidatura própria na disputa pela prefeitura da capital. Na noite da última terça-feira, 18, foi realizada plenária com militantes da legenda que decidiram apoiar uma candidatura majoritária.

Foram apresentados os nomes do deputado federal Zé Carlos, do deputado estadual Zé Inácio e da dirigente do PT, Criciele Muniz. Além disso, o partido deve contar com uma lista de 20 pré-candidatos que irão concorrer a uma vaga à Câmara Municipal.

O último candidato do PT para Prefeitura de São Luís foi o ex-vice-governador Washington Luiz Oliveira, atual conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão, em 2012.

PCdoB deve fechar aliança com o PP para disputa em São Luís


O PCdoB, que tem como pré-candidato o secretário de estado das Cidades, Rubens Junior, já mantém diálogo com o PP (Partido Progressista) do deputado federal André Fufuca.

Nas redes sociais, o pré-candidato comunista fez questão de divulgar a reunião que teve com lideranças do partido, na busca por apoio nessa nova empreitada, visando à corrida sucessória municipal na capital maranhense.

Para Rubens Junior, o diálogo foi proveitoso e tem tudo para acontecer:

Conversa proveitosa com o deputado federal André Fufuca; com o vice-prefeito e presidente do PCdoB São Luís, Júlio Pinheiro; e com o vice-presidente do PCdoB Maranhão, Egberto magno. Avanço para uma agenda de diálogo à favor da nossa capital. #SãoLuís #SLZ

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020

PL pretende agregar um leque de alianças partidárias na disputa em São Luís


O lançamento da pré-candidatura da deputada estadual Maria Deusdete Lima, mais conhecida por "Detinha", pelo PL (Partido Liberal) à Prefeitura de São Luís, muda drasticamente o cenário do jogo de articulações político-partidárias para as eleições de outubro deste ano.

Até bem pouco tempo, o PL insinuou indicar o candidato a vice na chapa a ser encabeçada pelo deputado federal Eduardo Braide (Podemos), que, por enquanto, lidera as pesquisas de intenções de voto em São Luís. 

O companheiro de chapa seria o vereador Aldir Junior, sobrinho do deputado federal Josimar de Maranhãozinho, marido da Detinha e pretenso candidato ao Governo do Maranhão, em 2022.

Os rumos mudaram radicalmente e o PL foi chamado para um diálogo no gabinete do governador Flávio Dino (PCdoB), que tem como pré-candidato o secretário de estado das Cidades, Rubens Jr. (PCdoB).

No entanto, o PL resolveu agora resolveu lançar uma candidatura própria na disputa municipal e o nome de consenso entre as lideranças do partido foi o da deputada Detinha, que pode agregar um leque de alianças partidárias.

O que disse o deputado Josimar de Maranhãozinho, que preside o PL no Maranhão, nas redes sociais:
Em reunião do PL, de pré-candidatos a vereador de nossa capital e outras lideranças decidimos que São Luís não pode ficar sem uma representante feminina, na disputa p/ prefeito. Decidimos, por unanimidade, lançar a pré-candidatura da Dep. estadual Detinha, à prefeita de São Luís.

Vereador do PSD diz que nada justifica aumento de passagem


O líder do PSD na Câmara de São Luís, Cézar Bombeiro, disse que ainda não conseguiu entender o aumento de 12,5%, bem acima da inflação de 2019 que fechou em 4,31%, nas passagens de ônibus na capital maranhense.

“Sabemos que todos os anos há aumento de passagem e isso acontece em decorrência de diversos fatores, desde o aumento no preço da gasolina, à manutenção dos ônibus. Mas, o que acontece em São Luís, é que temos uma passagem de transporte coletivo já muito cara, comparada com a realidade da nossa população. Nada justifica esse aumento de passagem, com o péssimo serviço que essas empresas prestam”, frisou.

Segundo o parlamentar, não há condicionantes de melhoria do serviço para ter tal aumento. “São Luís é a única cidade em que esses empresários alegam prejuízo e a prefeitura, muito boazinha, muito solícita, resolve dar o aumento”, criticou Bombeiro.

O valor da passagem saltou de R$ 3,40 para R$ 3,70, nas linhas integradas e as não integradas, de R$ 2,95 para R$ 3,20. O reajuste foi proposto pela Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), justificando a necessidade de manutenção do equilíbrio do sistema, que opera o serviço de transporte coletivo de São Luís, sendo sancionado pelo Prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT).

Braide volta a questionar parceria entre governo e prefeitura


O deputado federal Eduardo Braide (Podemos) voltou a cobrar a tão badalada parceria entre o governo do estado e a Prefeitura de São Luís, que não consegue resolver os impactos no sistema de transporte da capital, que no último domingo, 16, registrou um aumento de 12,5% (acima da inflação) na tarifa de ônibus e também em toda região metropolitana da Ilha.

Para Braide, a parceria institucional entre os Poderes parece questionável já que a população mais pobre é quem vem pagando o pato com reajustes abusivos no setor e o desmonte dos trabalhadores que operam no sistema.

O parlamentar é um dos pré-candidatos à Prefeitura da capital maranhense, nas eleições de outubro.



terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

Fiema é acusada pelo The Intercept Brasil de influenciar no Plano Diretor de São Luís para aumentar investimentos da China na capital

O site The Intercept Brasil, em reportagem assinada pela jornalista Sabrina Felipe, revelou que a Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema) estaria empenhada em aumentar o espaço físico nos limites de São Luís para bombar o volume de capital da China, com o aval do governo Flávio Dino (PCdoB).

Para isso, a Fiema está de olho bem arregalado na atual revisão e atualização do Plano Diretor da Cidade, que está tramitando na Câmara dos Vereadores, sendo que uma das principais – e polêmicas – propostas capitaneadas pela Fiema é a redução de 41% da zona rural de São Luís e sua transformação em zona urbana, que não vem sendo vista com bons olhos pelas comunidades da área.

Segundo o The Intercept Brasil, A Fiema é parceira do governo do estado na ação “Missão Empresarial Maranhense à China 2019”, que procura fomentar as relações comerciais entre o Maranhão e o país asiático. "A Fiema não respondeu ao meu pedido de comentário", disse a autora da reportagem.

Se a ampliação dos empreendimentos chineses – ou das infraestruturas de escoamento que os favorecem – não é boa para as comunidades tradicionais do Maranhão, ela é positiva para uma eventual candidatura de Flávio Dino à presidência em 2022.

O aporte do capital chinês no estado – e com ele as promessas de empregoinvestimento e de desenvolvimento – traz solidez ao governo e, por extensão, ao projeto político a ser apresentado pelo comunista em 2022. Os resultados econômicos e eleitorais são inquestionáveis. Os impactos nas comunidades tradicionais também.