Rádio Web Conexão

quinta-feira, 4 de abril de 2024

Camarão destaca relevância do MST e dos movimentos sociais na defesa do homem do campo


O vice-governador e secretário estadual de Educação, Felipe Camarão (PT), utilizou suas redes sociais nesta quinta-feira, 4, para destacar a relevância do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), em um gesto de reconhecimento e apoio às lutas sociais. A manifestação de Camarão ocorreu em meio a um contexto político marcado pela recusa, na Assembleia Legislativa do Maranhão, de um requerimento que buscava homenagear o MST.

O destaque dado por Camarão ao MST veio após a rejeição, por maioria parlamentar, de um requerimento apresentado pelo deputado Júlio Mendonça (PCdoB), que propunha uma homenagem ao movimento. Apesar disso, o vice-governador optou por não entrar em polêmicas e não criticou os parlamentares que votaram contra a homenagem.

Em sua postagem nas redes sociais, Felipe Camarão expressou seu orgulho pela atuação dos movimentos sociais, incluindo o MST, a Federação dos Trabalhadores da Agricultura do Estado do Maranhão (Fetaema) e a Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag). Ele ressaltou a importância desses grupos na luta por dignidade, igualdade e oportunidades para todos, especialmente para os menos favorecidos, reafirmando seu compromisso com suas causas, disse Camarão: 

“O #tbt de hoje é com registros de importantes momentos ao lado dos meus companheiros do Movimento Sem Terra, da Fetaema e tantos outros movimentos sociais de trabalhadores e trabalhadoras rurais que, incansavelmente, lutam por dignidade, igualdade, oportunidades para todos e, principalmente, pelo compromisso com os menos favorecidos. Tenho muito orgulho da atuação de vocês e merecem todas as homenagens hoje e sempre! Contem sempre comigo!”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que o PSD fará com Eliziane ao não apoiar Braide?

A direção estadual do PSD deve se manifestar, publicamente, sobre o posicionamento controverso da senadora Eliziane Gama (PSD)  em não apoia...